Brasil abre vantagem, mas perde de virada para França no Torneio Internacional
Foto: Thais Magalhães/CBF

A segunda rodada do Torneio Internacional não foi para o Brasil. A Seleção Feminina sofreu com a pressão da França. Apesar de utilizar a competição para testes, a equipe verde amarela demonstrou inoperância no ataque nos dois jogos. Falta de intensidade e erros de passes também contribuíram para a derrota de 2 a 1, no Estádio Michel D’Ornano, em Caen.

Vantagem por quatro minutos

Dado a saída de bola, Les Bleus buscaram o ataque, principalmente pelo lado direito com Diani. Além de jogadas aéreas. Renard era sempre procurado quando estava dentro da meta brasileira. A pressão complicou a vida das Guerreiras, que erraram muitos passes e não conseguiram fazer a transição para o ataque.

Porém, a Seleção Feminina aparecia bem quando chegava na parte ofensiva. Kerolin entrou em velocidade na área, deixou para Debinha. Ela costurou dentro e caiu após Hamraoui deixar o pé. A Rainha Marta deu uma cavadinha no meio do gol, não dando chances para Peyraud-Magnin.  A vantagem durou apenas quatro minutos.

A falta do domínio custou o empate. Hamraoui soltou o pé na entrada da área. A bola explodiu na marcação e pinga na área. Lelê e Rafaelle não se entenderam e Katoto aproveitou para igualar.

Foto: Thais Magalhães/CBF
Foto: Thais Magalhães/CBF

Baixa ofensividade contribui para virada

O intervalo fez bem para o Brasil. Mesmo sem mudanças iniciais, o time teve menos erros de passe. Do outro lado, as francesas seguiam com o domínio e abusando das jogadas pelas laterais.  Cascarino encontrou Toletti na área. Ela desviou de cabeça. Lelê, com uma das mãos, fez linda defesa e colocou para fora. 

A superioridade e intensidade das Les Bleus era sobressaída das brasileiras. Logo, foram premiadas com a virada. Diani cruzou da linha de fundo. A bola passa por todos e sobra com Karchaoui, que levantou novamente. A própria Diani rola de primeira e Katoto escorou para o fundo das redes. 

Em uma das poucas jogadas no chão, Karchaoui se livrou da marcação e chutou cruzado. Lelê salvou com a ponta dos dedos, mudando a direção da bola.

Próximos jogos

O Brasil encara a Finlândia, na terça-feira (22), às 14h30 (de Brasília). Já a França duela contra a Holanda, no mesmo dia, às 17h10 (de Brasília). Esse será o último jogo da competição. 

VAVEL Logo