"Vamos sofrer", admite Renato Gaúcho após nova derrota do Grêmio como visitante na Série B
Reprodução/Grêmio TV

Nesta sexta-feira (16), o Grêmio foi para o estado de São Paulo enfrentar o Novorizontino, em partida válida pela 30ª rodada do Brasileirão Série B. A equipe tricolor acabou derrotada por 2 a 0 e viu a vantagem no G-4 cair para cinco pontos em relação ao Londrina, quinto colocado.

Após sua primeira dura derrota no comando da equipe, Renato Portaluppi se desculpou com a torcida em coletiva de imprensa. "Nada deu certo hoje. O que treinamos e havíamos feito contra o Vasco, não aconteceu. Peço desculpas para o nosso torcedor".

Renato garante que a equipe chegará na elite do Brasileirão novamente, mas que não será algo fácil, assim como não está sendo para as outras equipes que disputam vaga no G-4 também. 

"O Grêmio vai subir, mas, repito, vamos sofrer um pouco. O mais importante será no final, e tenho certeza que o Grêmio vai subir. Mas, repito, vamos sofrer. Terça teremos outro jogo, um confronto direto com o Sport e peço a presença do nosso torcedor na Arena para nos incentivar. O sofrimento já está tendo há algum tempo, e vamos ter por mais alguns jogos. O que posso garantir é que podem ficar tranquilos que vamos subir", disse o técnico.

Após a partida, Gaúcho confessou que cobrou dos jogadores uma postura melhor e também comentou que há riscos de ficarem de fora, se não apresentarem bom desempenho em campo.

"Deixamos de fazer em campo. Não que não tenhamos treinado ou pedido para eles. Aconteceu. Que sirva de exemplo. Conversei com eles e deixei as coisas bem claras. Que seja uma lição, estamos aprendendo. A conversa que tive com eles é diferente, quando voltarmos a jogar fora de casa não pode ter esse excesso de tranquilidade de hoje. Se não correr, minha única opção é tirar, eles estão bem conscientes disso", finalizou.

Agora, o Grêmio entra em campo no dia 20 de setembro, feriado no estado gaúcho, enfrentando a equipe do Sport, às 19h.

VAVEL Logo