Rumo à Olimpíada: Luan, atacante do Grêmio

Jogador gremista é destaque do Tricolor gaúcho por gols, assistências, adaptação ao futebol e quer ajudar pelo ouro olímpico

Rumo à Olimpíada: Luan, atacante do Grêmio
Rumo à Olimpíada: Luan, peça fundamental no ataque do Grêmio luta por espaço na seleção

O paulista Luan vem em alta na temporada 2016. No time do Grêmio do técnico Roger Machado, o atleta é peça fundamental do ataque gremista. Demonstrando primazia na função de falso 9, é ele quem abre espaço e permite muitas das jogadas do Tricolor gaúcho. Convocado para os Jogos Olímpicos Rio 2016, o atacante vai buscar contribuir com a seleção de Rogério Micale no mês de agosto.

Luan é natural de São José do Rio Preto, cidade onde deu os primeiros chutes e conseguiu dar um passo gigantesco para carreira profissional em 2013. Na conhecida Copa São Paulo de Futebol Junior, o América, clube em que atuava, conseguiu uma participação de destaque, eliminando inclusive a base do Flamengo. O Tricolor gaúcho abocanhou a oportunidade de trazer Luan a Porto Alegre e, ao mesmo tempo, oportunizou o jovem ao grande teste.

No Campeonato Gaúcho de 2014, Luan estreou pelos profissionais do Grêmio. Com foco na Libertadores da América, os garotos, que recém subiam da base, tiveram chance de aparecer. Foi contra o Brasil de Pelotas, no estádio Bento Freitas, que Luan marcou seu primeiro gol como profissional, quando empatou a partida aos reservas gremistas.

Ainda em 2014, conseguiu disputar partidas da Libertadores e ganhar algumas oportunidades durante o Brasileirão, com o técnico Luiz Felipe Scolari. Em 2015, porém, a chegada de Roger Machado foi fundamental ao desempenho promissor do jogador.

No Campeonato Brasileiro, foram 10 gols feitos e o recebimento do prêmio Bola de Prata, trazendo Luan à seleção dos melhores do torneio. Mais do que isso, Roger encontrou uma função para destacar o futebol do jovem. Como o chamado falso 9, Luan é jogador de extrema intensidade. Apesar da forte marcação dos adversários, consegue ser decisivo quando obtém (ou cria) espaços.

Por conta disso, Luan se candidata ao protagonismo em diferentes momentos e fundamentos. É um dos atletas que mais aplica dribles no Brasileirão e é o que mais finaliza pelo lado gremista. Recua para alçar os companheiros com assistências, ou aparece à área para finalizar.

Neste gol diante do Toluca, pela primeira fase da Libertadores 2016, Luan é fundamental na armação. Recebe pelo lado esquerdo da intermediária e vê a infiltração de Ramiro, para passe preciso ao gol. Não é difícil acompanhar jogadas do paulista descendo para auxiliar na armação, às vezes alinhado aos meias ou alinhado aos volantes. É o chamado falso 9 executado no Grêmio.

Neste gol do último Gre-Nal, o de número 410, o Grêmio recupera a bola com Giuliano, Walace, companheiro de seleção olímpica, toca para Luan, que, pelo meio, encontra grande passe para passagem de Everton. Uma jogada que consolida uma parceria também com o atacante arrematador. Douglas é quem faz o tento, ligado no rebote.

Confira os números de Luan na temporada de 2016. São 10 gols e 10 assistências para ajudar o Tricolor gaúcho, além de auxiliador na marcação em campo alto proposta pelo técnico Roger Machado. Ele também é peça importante no começo da marcação gremista. Ao perder a bola, Luan já aparece como o primeiro a pressionar a saída de bola adversária, fechando a linha de passe dos rivais. Este conceito é aprovado pelo técnico da seleção olímpica, Rogério Micale.

Com a convocação à seleção olímpica, chega a hora de Luan buscar espaço no time do Brasil. Em convocações anteriores, disputou 11 jogos com a Seleção Brasileira, marcou 10 gols e descolou três assistências. Apesar de alguns adversários mais frágeis, importantes números que firmam Luan na luta por uma vaga no concorrido ataque.

Além do atacante gremista, Gabriel, do clube do Santos, e Gabriel Jesus, do Palmeiras, estarão na representação da Olimpíada. Neymar, acima dos 23 anos, é o grande reforço da frente brasileira e de titularidade, até pelo rendimento, números pela Seleção principal e liberação concedida pelo Barcelona, incontestável.

Dessa maneira, Luan Guilherme de Jesus Vieira, o Luan que saiu do América-SP para trilhar grandes jogos pelo Grêmio e já de convocações pelo Brasil, estará na Olimpíada, na busca de contribuir pelo inédito ouro olímpico da seleção.