Bruno Fratus conquista medalha de bronze nos 50m livre
Foto: Jonne Roriz/COB

É bronze! Na noite do último sábado (31) o brasileiro Bruno Fratus nadou nos 50m livre e conquistou a medalha de bronze com 21,57 segundos de prova! Em primeiro lugar o Americano Dressel fez 21,07, batendo o recorde olímpico. A prata ficou com o francês Manaudou, com 21,55.

Fratus ficou no quase nas olimpíadas de 2012 em Londres e 2016 no Rio. Ao Sportv o agora medalhista colocou para fora toda sua alegria: “Finalmente realizei meu sonho de quando tinha 11 anos de idade. Isso não teria acontecido sem o suporte, o amor, a amizade e a torcida de todo mundo que está agora do meu lado. E não teria sido sem a palavra de quem duvidou também”.

Estou há uma semana com dificuldades para dormir, estava muito nervoso. E foi justamente o que a Michelle me falou antes de entrar no balizamento que me motivou: 'Eu te amo, vai ser feliz, e independente do que acontecer eu continuo te amando, e a gente vai ser feliz'. E foi isso o que eu pensei a prova inteira: 'Vai ser feliz, poxa'”, disse Bruno.

Por fim, Bruno exaltou o Brasil e seu povo: “Se é para deixar uma mensagem, é que nós somos o melhor povo, temos o melhor país do mundo. Eu moro nos Estados Unidos há algum tempo, e todo mundo lá gosta do Brasil, 'paga pau' para o para o Brasil e para o povo brasileiro. A gente é muito capaz. Então, assim como eu fiz hoje, se permitam ser o povo que a gente pode ser e o país que a gente pode construir. Porque a gente está entre os melhores do mundo”.

Outros medalhistas da noite

Nos 50m livre feminino, a australiana McKeon fez a prova em 23,81, conquistando o ouro e o recorde olímpico. A prata ficou com a sueca Sjoestroem, que fez a prova em 24,07. A dinamarquesa Blume ficou com o bronze, finalizando a prova em 24,21.

Nos 1500m livre masculino, o ouro foi para o americano Finke, que fez a prova em 14:39,65. A prata foi para o ucraniano Romanchuk, que fez a prova em 14:40,66. O bronze foi para o alemão Wellbrock, que terminou em 14:40,91.

No revezamento 4x100m medley feminino, a Austrália, da equipe McKeon, Hodges, Campbell e McKeown, finalizou a prova com 3:51,60, levando o ouro. A prata foi para os Estados Unidos, da equipe Huske, Smith, Jacoby e Weitzeil, que terminou a prova em 3:51,73. O bronze foi para o Canadá, de Oleksiak, Pickrem, Mac Neil e Masse, que fez a prova em 3:52,60.

Já no revezamento 4x100m medley masculino a medalha de ouro foi para a equipe dos Estados Unidos, que tinha Murphy, Apple, Dressel e Andrew, que finalizaram a prova em 3:26,78. A prata ficou com a Grâ-Bretanha, da equipe Greenbank, Scott, Peaty e Guy, que fizeram a prova em 3:27,51. Já o bronze foi para a Itália, com Martinenghi, Burdisso, Miressi e Ceccon, que fizeram a prova em 3:29,17.

VAVEL Logo