Menina de ouro da Williams, Susie Wolff se aposentará das pistas

Abu Dhabi será a última corrida que  Susie Wolff acompanhará como piloto, na F1. A equipe Williams confirmou no início da manhã - horário do Brasil - que ela irá se retirar das pistas de corrida ao fim da temporada 2015.

Susie hoje é a única mulher a fazer parte do grupo de pilotos que compõe a Fórmula 1 e está na categoria desde 2012 quando assinou contrato para ser piloto de desenvolvimento para a Williams.

Eu gostaria de agradecer a Williams pela oportunidade que me deram ao longo dos últimos anos, que me permitiu alcançar o meu sonho de dirigir um carro de Fórmula 1. Tem sido ótimo trabalhar com todos na equipe, tanto no Grove e na pista, e eu gostaria de agradecer a todos que tem sido parte da minha jornada na Williams. Agora estou fechando este capítulo, mas olhando para a frente a novos desafios no futuro. 

Após a saída de Felipe Nasr para a Sauber, Wolff - sobrenome que adquiriu ao casar-se com Toto Wolff, atual chefe da equipe Mercedes e acionista da Williams - foi promovida a piloto de teste da equipe inglesa, e sempre acreditou que as mulheres poderiam "desempenhar um papel no mais alto nível do automobilismo mundial". Com a intenção de se tornar piloto oficial da escuderia, sempre se manteve preparada, porém a chance não aconteceu.

Sua função a fez desempenhar um papel importante no desenvolvimento do FW35, FW36 e FW37 através de um extenso trabalho no simulador além de ficar atrás do volante para testes de aerodinâmica e pilotando durante vários dias de teste.

Foram quatro treinos livres pela Williams, além dos testes coletivos. Ao entrar na pista pela equipe, Susie quebrou um jejum de 22 anos sem mulheres pilotando um Fórmula 1.

A última mulher a fazer parte do grid de uma corrida da categoria foi Lella Lombardi, em 1976, pela equipe Brabham. Maria Grazia Lombardi disputou 12 corridas na temporada de 1975. Até hoje a italiana leva o título de única mulher a marcar pontos em um campeonato de F1, com uma sexta posição.

Claire Williams, vice-diretora da equipe comentou: Tem sido um prazer trabalhar com Susie ao longo dos anos e vê-la desenvolver-se como piloto dentro da equipe. Seu feedback e conhecimento do carro tem sido uma parte importante nosso desenvolvimento recente e nós estamos tristes em vê-la partir. Queremos agradecer-lhe por todos os seus esforços e desejar-lhe o melhor para seus empreendimentos futuros. Vamos, naturalmente, apoiar tanto Susie e Felipe na Corrida dos Campeões, e espero Susie tenha um grande fim de semana para marcar a última vez que veremos ela correr.

Para encerrar sua carreira, Susie Wollf paricipará da Corrida dos Campeões 2015, que será realizada no Estádio Olímpico de Londres, entre 20 e 21 de novembro. A piloto será companheira de David Coulthard, ex-piloto da Fórmula 1.

VAVEL Logo