Bottas vence GP de Baku e assume liderança da Fórmula 1
(Foto: Divulgação/Site Oficial F1)

Bottas vence GP de Baku e assume liderança da Fórmula 1

Finlandês lidera sobre seu companheiro de equipe por apenas um ponto de diferença

matheus-gabriel
Matheus Gabriel

Em uma corrida diferente do script tradicional de Baku, onde o número de Safety Cars é grande, Bottas conseguiu sair na frente de seu companheiro de equipe, Hamilton, na primeira curva e manter a posição até a bandeirada final. A única ameaça, até as voltas finais, tinha sido Leclerc, que largou de pneus médios e fazia volta rápida atrás de volta rápida, mas acabou ficando por muito tempo na pista, dando a chance para a dupla da Mercedes fazer sua parada, colocar pneus médios e passar o monegasco, na pista. Com a dobradinha, a Mercedes chega a incrível marca de 4 em 4 corridas na temporada.

Leclerc tenta corrida de recuperação, mas erro de estratégia atrapalha

Após cometer um erro no Q2 e se chocar contra o muro, na icônica curva 8, Charles Leclerc teve de largar em 8º, já que seu carro não ficaria pronto para o Q3. A opção era de fazer uma corrida de recuperação, e tudo estava dando certo para o monegasco, que conseguia ótimas voltas e belas ultrapassagens, até chegar perto de seu companheiro de equipe, Vettel, que optou por parar nos boxes antes de ser ultrapassado.

O ritmo de Leclerc era bom o suficiente para chegar perto das Mercedes e assumir a liderança após o pit da equipe alemã, mas a opção por se manter na pista por um longo período de tempo fez com que as Flechas de Prata o alcançassem novamente, evidenciando o erro da equipe italiana.

O jovem piloto parou apenas na volta 35 para colocar pneus macios, mas de nada adiantou. Ele apenas conseguiu passar Gasly e terminar em quinto. O alento foi a volta mais rápida, depois de parar novamente nas últimas voltas apenas para tentar conquistar o ponto extra, com sucesso.

Seu companheiro de equipe, tetracampeão mundial Sebastian Vettel, fez uma corrida discreta e acabou na mesma posição de onde largou: 3º.


A briga no meio do grid

O mexicano Sérgio Pérez fez por merecer a fama de pilotar super rápido pelas ruas de Baku. Além de conseguir largar em quinto — um feito para a Racing Point —, o experiente piloto terminou apenas uma posição atrás, em sexto, e conquistou bons pontos para sua equipe, que também conseguiu angariar mais dois pontinhos com Stroll, 9º na corrida.

Outra equipe que teve um final de semana forte foi a McLaren, que conseguiu terminar com os dois carros na zona de pontuação: Sainz em 7º e Norris em 8º.

Quem decepcionou foi a Renault, que abandonou com Ricciardo, após falha grotesca, e Hulkenberg, que terminou em 14º, a frente apenas das duas Williams, já que quatro carros abandonaram. Um final de semana para se esquecer, sem dúvidas.

Confira a classificação geral do GP do Azerbaijão:

 

VAVEL Logo