Na última volta! Em briga dura com Bottas, Hamilton consegue pole no GP da França
Hamilton no Circuito de Paul Ricard (Foto: Divulgação / Mercedes)

Na última volta! Em briga dura com Bottas, Hamilton consegue pole no GP da França

Mercedes faz dobradinha com diferença de 0s2 entre os pilotos da equipe e recorde do britânico

mmichaelfranco
Michael Franco

O "planeta Mercedes" segue superior! O fim de semana no Circuito de Paul Ricard é amplamente dominado pela equipe alemã e continuou assim no qualifying com a pole position de Lewis Hamilton. Além de largar na frente no GP da França, o britânico fez o recorde da pista com 1m28s319. Valtteri Bottas, que disputou milésimo a milésimo com o companheiro, larga em segundo com um tempo 0s286 mais lento.

Diferente da soberana Mercedes, a Ferrari decepcionou mais uma vez. O novato Charles Leclerc conseguiu a terceira posição no grid com 1m30s647, pela primeira vez à frente de Sebastian Vettel, que amargou o sétimo lugar. Max Verstappen completa a segunda fila, enquanto a surpreendente McLaren fez um treino acertado, ocupando a terceira fila, com Lando Norris e Carlos Sainz em sexto.

No início do Q1 a história parecia guardar um final diferente. Bottas e Leclerc foram os mais rápidos seguidos de Hamilton, que errava no último trecho. Do meio para o fim tudo mudou. Lewis Hamilton conseguiu passar Leclerc e terminou a primeira parte com o segundo melhor tempo. Vettel ficava mais de um segundo atrás dos líderes, mas conseguiu terminar o Q1 na quarta posição. Foram eliminados Daniel Kvyat, Romain Grosjean, Lance Stroll, George Russell e Robert Kubica.

No Q2 os favoritos vieram com pneus médios e Hamilton garantia a primeira posição cravando 1m29s520, 0s504 à frente de Bottas. Leclerc já ficava bem atrás na terceira posição. Mesmo garantido na terceira parte do treino, Bottas continuou na pista e conseguiu diminuir o tempo de Hamilton em 0s083 assumindo a ponta ao quebrar o recorde da pista, até o momento. Alexander Albon, Kimi Raikkonen, Nico Hulkenberg, Sergio Pérez e Kevin Magnussen ficaram pelo caminho.

Na última parte do treino todos os olhos estavam voltados para a dura disputa entre os pilotos da Mercedes. No começo do Q3, Hamilton quebrou o recorde com 1m28s448, Bottas seguia 0s157 mais lento. Enquanto isso, o fracasso da Ferrari era eminente. Leclerc estacionou nos 1m29s015, e Vettel abortava voltas errando no primeiro trecho.

Na metade final Bottas não conseguiu manter o bom ritmo e, para o azar dele, Hamilton superou o próprio seu tempo sacramentando o recorde da pista. Fora da disputada do planeta Mercedes, a renovada McLaren surpreendeu deixando Vettel para trás.

A largada do GP da França acontece neste domingo (22), às 9h (horário de Brasília. As 53 voltas prometem servir de terreno para mais uma prova disputada entre Hamilton e Bottas.

VAVEL Logo