Nadal sofre, mas fecha contra Bolelli em sets diretos na estreia de Roland Garros

Depois de ter a partida transferida para esta terça-feira (29) após forte chuva, espanhol bateu italiano por 3 sets a 0, em pouco mais de três horas, e passou para a segunda rodada

#1 Rafael Nadal
3 0
#129 Simone Bolelli

O atual campeão de Roland Garros teve uma estreia com vitória nessa terça-feira (29). Após ter o jogo interrompido na segunda-feira (28), por forte chuva na capital francesa, o duelo seguiu no dia de hoje. Rafael Nadal acabou vencendo o lucky loser Simone Bolelli, número 129 do mundo, por três sets a zero, com parciais de 6/4, 6/3 e 7/6, em 3h01.

Essa foi a sexta vitória do espanhol contra o italiano em seis jogos disputados no circuito profissional. Agora na segunda rodada o seu adversário será o argentino #78 Guido Pella, que derrotou o português João Sousa por três sets a zero, parciais 6/2, 6/3 e 6/4.

Após o jogo Nadal falou sobre seus números no saibro. O espanhol que tem 80 vitórias no Aberto da França, com apenas duas derrotas e um aproveitamento de 91,9%. disse não ser invencível.

“As pessoas falam sobre isso porque ganhei 10 vezes aqui, 11 em Barcelona e em Monte Carlo e oito vezes em Roma, mas não me considero invencível”, contou o número um do mundo.

O espanhol ainda falou que a chave para o seu sucesso é o respeito perante o seu adversário. “O segredo para o meu sucesso está em respeitar cada adversário. Vou para a quadra sabendo que posso ganhar ou perder, essa é a beleza do esporte, tudo pode acontecer”, disse o atual campeão do torneio.

Nadal ainda elogiou Simone Bolelli, e não entende como ele havia perdido no qualifying, já que fez uma grande partida. “Disseram-me que tinha perdido na última rodada do qualifying por 6/0 e 6/2. Não sei como é que isso pode ter acontecido, é um adversário a se ter em conta e nesta superfície é ainda mais perigoso”, finalizou.

O jogo

A primeira parcial foi de extremo equilíbrio. Bolelli trocava bolas com Nadal e não se intimidou em quadra. Mas o espanhol foi certeiro em sua quebra que ocorreu exatamente no décimo game, quando o italiano sacava para igualar tudo de novo. O número um do mundo aproveitou o set point e saiu na frente do jogo.

O ímpeto ofensivo de Bolelli seguiu ainda mais forte na segunda parcial. O italiano conseguiu por uma quebra na frente e fazer 3/1. Nadal ainda teve um break point contra no quinto game, mas conseguiu salvar. O espanhol saiu do break para um atropelamento em cinco games seguidos, fechando o segundo set em 6/3 e abrindo dois a zero na partida.

No terceiro set o Italiano mais um vez começou bem. Após confirmar o serviço, Bolelli conseguiu uma quebra e em seguida confirmou outra vez fazendo 3/0. Quando Nadal iria sacar no quarto game, o jogo acabou interrompido. Hoje a partida reiniciou exatamente desse ponto.

O espanhol voltou com tudo no jogo e tratou logo confirmar seu serviço e devolver a quebra, deixando tudo igual novamente na partida: 3/3. Com o equilíbrio retomado novamente, a decisão foi para o tie break. A disputa foi muito acirrada no desempate, onde Nadal teve que sacar muito para vencer por 11 a 9 e fechar a partida em três sets a zero.