Kvitova leva susto, mas vence Linette em Roma; Swiatek conta com desistência
Petra Kvitová venceu Magda Linette no WTA 1000 de Roma 2021 (WTA / Divulgação)

O primeiro set de uma das melhores tenistas da atualidade no WTA 1000 de Roma foi bem abaixo do que ela está acostumado. Mas a #10 Petra Kvitova se redimiu e conseguiu virar a partida contra #46 Magda Linette, nesta segunda-feira (10). A peleja foi encerrada em dois sets a um.

A polonesa arrasou a tcheca no primeiro set: 6/1. O empate veio em grande estilo, com um pneu - ou seja, 6/0. Na decisão, 6/2 a favor de Kvitova. 

Sets desequilibrados

Logo no primeiro serviço da rival, Linette surprndeu e conseguiu a quebra. No terceiro e quinto games, é bem verdade, a polonesa teve dificuldades: dez pontos para confirmar cada um dos saques, rejeitando três break points no primeiro momento da sequência. Mas, no sexto game, ela voltou a rejeitar o saque de Kvitova e fechou a série na sequência, em surpreendentes 6/1.

A ex-número 2 do mundo voltou ao rumo no set seguinte. Vencendo todos os seis games (quebrando o saque da adversária no segundo, quarto e sexto momentos), Kvitova encontrou dificuldade apenas no quinto, quando sacava: foram dez pontos para fechar a contagem - no final, o 'pneu' (6/0) se consolidou.

O terceiro set também começou com vantagem da tcheca por 3/0 - após quebrar o saque da adversária no segundo game e precisar de dez pontos, rejeitando três break points, no terceiro. No oitavo momento, após novo serviço rejeitado da polonesa, Kvitova consolidou o 6/2 que lhe deu a vitória.

Na segunda rodada do Internazionali BNL d'Italia, Kvitová enfrenta a #113 Vera Zvonareva, que vem de vitória sobre a #94 Christina McHale.

Equilíbrio e lesão

Outro jogo do dia envolvia a norte-americana #27 Alison Riske e a polonesa #15 Iga Swiatek, confronto que já havia acontecido em Madrid, com vitória fácil da atual campeã de Roland Garros. A partida, que começou bastante equilibrada, teve duração curta: com uma lesão no pé esquerdo, Riske foi forçada a abandona a peleja.

Dos cinco primeiros games, Riske venceu quatro - quebrando o saque da adversária no segundo (após oito pontos) e no quinto. No primeiro, a polonesa já teve dificuldades, precisando de mais oito pontos para confirmar o serviço.  Conforme as dores da norte-americana no pé esquerdo foram aumentando, Swiatek cresceu - e rejeitou a rival no sexto e oitavo games, ainda que tenha precisado de oito pontos (e recusar um doreak point) para anotar 5/4 na parcial.

Após oito pontos, quando a parcial estava em 40-40 e Riske tinha rejeitado um break point, ela pediu atendimento médico e não conseguiu prosseguir a peleja após o fato.

Swiatek encara na segunda fase a vencedora do duelo entre a #65 Sloane Stephens e a #23 Madison Keys

VAVEL Logo