Kyrgios vence Ymer e volta à final de Washington; Rublev perde para Nishioka
Foto: Divulgação/Citi Open

Após o vice de Wimbledon, #63 Nick Kyrgios vai à sua segunda final em 2022. O australiano alcançou a decisão do ATP 500 de Washington ao passar nas semifinais por #115 Mikael Ymer. Ele anotou 2 a 0, com parciais de 7/6 e 6/3, em 1h34, na noite deste sábado (6).

Em um típico jogo de Kyrgios, o primeiro set ficou em amarrado em ambos os serviços, sem nenhum dos dois terem chances de quebra, foi decidido somente no tiebreak, vencido pelo favorito por 7-4. Na segunda parcial, foi onde o australiano conseguiu ser mais agudo.

Em um set que também dava poucas chances, Kyrgios aproveitou quando oportunizou break points no oitavo game, conseguiu a quebra e colocou números finais ao confronto com um 6/3.

"Honestamente, eu não joguei perto do meu melhor tênis hoje e não sei. Eu servi bem sólido. Obviamente, minha porcentagem de pontos vencidos no meu primeiro saque teria sido alta, mas na parte de trás da quadra eu não joguei nada bem", disse Kyrgios, campeão do torneio em 2019.

Final definida

O adversário de Kyrgios na final do Citi Open sai do confronto será o surpreendente #96 Yoshihito Nishioka, que desbancou nas semifinais o #8 Andrey Rublev. O ex-número 48 do mundo anotou 6/3 e 6/4 diante do russo, em 1h21.

Antes do torneio na capital estadunidense, Nishioka não vencia uma partida no circuito ATP desde março, em Miami, apesar de vir de bons resultados em Challengers. Nesta semana, o japonês derrotou grandes nomes, como Brooksby e De Minaur, que jogaram a final em Atlanta na semana passada, e o ex-top 10 Khachanov.

Com a campanha em Washington, Nishikova vai subir, no mínimo, para a 54ª colocação do ranking na próxima semana. Esta será sua terceira final na carreira, a primeira em nível ATP 500 - ele foi campeão em Shenzhen 2018 e vice em Delray Beach 2020.

VAVEL Logo