Cristóvão Borges retorna ao Vasco e expõe metas: "Ter um 2017 maravilhoso e vitorioso"

Cristóvão Borges retorna ao Vasco e demonstra otimismo para 2017

Cristóvão Borges retorna ao Vasco e expõe metas: "Ter um 2017 maravilhoso e vitorioso"
Cristóvão se reuniu com o presidente Eurico (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

Com a saída de Jorginho ao final da Série B de 2016, o Vasco da Gama já começou a planejar sua participação na elite do futebol brasileiro. Após anunciar pelo twitter a contratação do treinador Cristóvão Borges, o presidente Eurico Miranda fez uma reunião em São Januário na manhã desta quarta-feira (30). O clima é de otimismo e o técnico, revelado pelo clube em 2011, afirma estar motivado. A apresentação oficial ainda não foi realizada em respeito às vítimas do acidente aéreo na Colômbia. 

Clube carioca anuncia retorno de Cristóvão Borges (Foto: reprodução/twitter)
Clube carioca anuncia retorno de Cristóvão Borges (Foto: reprodução/twitter)

"A emoção de estar de volta é muito grande. Estou voltando para casa, onde comecei a minha carreira como treinador. Vivi momentos importantes no Vasco junto com a torcida. Estar voltando me traz boas lembranças e posso garantir que estou bastante motivado. Quero ter um 2017 maravilhoso e vitorioso. Nosso objetivo será o de corresponder a grandeza desse clube", disse.

Com o incidente ocorrido com Ricardo Gomes, vítima de um AVEH (Acidente Vascular Encefálico Hemorrágico) em 2011, Cristóvão assumiu o comando da equipe no Campeonato Brasileiro. Ele vivenciou uma das melhores fases da instituição nos últimos anos — a vaga na semifinal da Copa Sul-Americana (2011), vice-campeonato brasileiro (2011) e vaga nas quartas de final da Libertadores (2012). Ao todo foram 41 vitórias, 18 empates e 19 derrotas.

A estrutura do clube mudou de lá para cá. Sabendo da modernização do CAPRRES e o campo anexo, Cristóvão relembrou a passagem e pretende repetir o mesmo feito: "Não possuíamos essa estrutura antes, mas conseguimos fazer um bom trabalho, em virtude principalmente dos jogadores comprometidos e experiente que tínhamos. Naquele período enfrentamos algumas dificuldades, mas já notei que as condições de trabalho são muito melhores hoje em dia. Vamos procurar aproveitar essa boa estrutura para fazer um trabalho do mesmo nível".

O último trabalho de Cristóvão foi no Corinthians, sendo demitido em menos de três meses. De 18 partidas realizadas pelo timão, foram sete vitórias, cinco empates e seis derrotas.