Sané brilha, Ederson pega pênalti de Aubameyang, e City supera Arsenal

Com ótima atuação do meia-atacante Leroy Sané, o Manchester City venceu o Arsenal, por 3 a 0, nesta quinta-feira (1º), no Emirates Stadium, pela 28ª rodada da Premier League. O alemão criou a jogada dos dois primeiros gols, marcados por Bernardo Silva e David Silva, e também deixou o seu. Todos os três tentos saíram no primeiro tempo. O goleiro Ederson ainda defendeu um pênalti do atacante Pierre-Emerick Aubameyang.

As duas equipes não puderam entrar em campo no último final de semana pela competição porque tiveram de disputar a final da Copa da Liga, em jogo que os Citizens derrotaram os Gunners por 3 a 0 sem muitas dificuldades

O Arsenal até chegou duas vezes com perigo nos minutos iniciais do jogo, mas foi o City quem abriu o placar. Sané fez grande jogada individual, partindo do flanco esquerdo para o centro, e abriu para Bernardo Silva, que ajeitou a bola e bateu colocado no ângulo direito.

Os donos da casa não se abateram com o gol. Não por acaso o goleiro Ederson teve de trabalhar duas vezes num intervalo de três minutos. Xhaka cobrou falta de longa distância, e o brasileiro espalmou para a linha de fundo; Ramsey recebeu passe rasteiro de Bellerín e chutou firme para a defesa segura do arqueiro.

No entanto, um inspirado Sané não estava a fim de perdoar as brechas que encontrava na defesa do Arsenal. Abusando dos dribles, o alemão passou por Bellerín, tocou para Agüero, o atacante encontrou David Silva, e o espanhol arrematou na saída de Cech.

Depois de assistência e pré-assistência para o primeiro e segundo gol, respectivamente, Sané deixou o dele. Contra-ataque fatal do City, De Bruyne acionou Walker em velocidade, o lateral cruzou rasteiro para a área, Sané deu um leve desvio de canhota e viu a bola morrer de mansinho no fundo das redes. Em jogada semelhante, Agüero quase marcou o quarto, mas desta vez Cech defendeu.

O Arsenal teve a chance de diminuir o prejuízo logo no início do segundo tempo. Otamendi chutou a parte posterior da panturrilha direita de Mkhitaryan, e o árbitro Andre Marriner assinalou pênalti. Aubameyang, porém, parou nas mãos de Ederson.

Ederson defendeu a cobrança do atacante gabonês (Foto: Charlotte Wilson/Offside/Getty Images)
Ederson defendeu a cobrança do atacante gabonês (Foto: Charlotte Wilson/Offside/Getty Images)

Depois do lance do pênalti, o jogo não teve muitas chances de gol. O único grande momento foi um chute cruzado de Agüero para bela defesa de Cech. Antes de a partida terminar, boa parte dos torcedores do Arsenal deixou o estádio. Arsène Wenger encerrou o confronto sem fazer nem uma substituição.

Com o triunfo, o City chega a 75 pontos e continua mais líder do que nunca – tem 16 pontos de vantagem sobre o Manchester United, segundo colocado. Já o Arsenal milita na sexta posição, com 45 pontos, a oito do Chelsea, que está no quinto lugar.

Citizens e Gunners retornam a campo no domingo (4). Às 13h, os comandados de Pep Guardiola recebem o Chelsea, no Etihad Stadium, enquanto que a equipe vermelha de Londres visita o Brighton, no Falmer Stadium, às 10h30. Ambos os jogos valem pela 29ª rodada da Premier League.

VAVEL Logo