Jesus marca, City quebra longa invencibilidade do Tottenham e seca United para conquistar título

Citizens torcem por uma derrota do rival diante do West Bromwich para soltar grito de campeão da Premier League

Jesus marca, City quebra longa invencibilidade do Tottenham e seca United para conquistar título
Jesus abriu o caminho para vitória do City em Londres (Foto: Ian Kington/AFP)
Tottenham
1 3
Manchester City

O Manchester City venceu neste sábado (14) o Tottenham por 3 a 1, no Wembley Stadium, em Londres, pela 34ª rodada da Premier League. Gabriel Jesus, Ilkay Gündogan e Raheem Sterling marcaram os gols dos Citizens, enquanto Christian Eriksen descontou para os Spurs. A vitória dos visitantes quebrou uma sequência de 14 jogos de invencibilidade do time londrino na liga.

O Manchester City dominou por completo o primeiro tempo. No começo de jogo, David Silva achou Sterling em profundidade. O inglês cruzou para Sané, que pegou bonito na bola e carimbou a trave. A equipe de Pep Guardiola continuou em cima e chegou mais duas vezes com perigo, em chutes de fora da área de Sterling e De Bruyne.

Depois de muito insistir, o City finalmente tirou o zero do placar. Kompany deu um lançamento espetacular, do campo de defesa, para Gabriel Jesus. O camisa 33 ganhou na velocidade dos dois zagueiros do Tottenham e bateu de canhota para fazer 1 a 0.

Três minutos após balançar as redes, os Citizens ampliaram. Lloris perdeu o tempo da bola e deu um carrinho na perna de Sterling. O lance aconteceu fora da área, mas como o camisa 7 do City caiu dentro, o árbitro Jonathan Moss assinalou pênalti. Gündogan bateu muito bem e marcou o segundo time de Manchester.

Gündogan e Jesus marcaram na vitória do City (Foto: Shaun Botterill/Getty Images)
Gündogan e Jesus marcaram na vitória do City (Foto: Shaun Botterill/Getty Images)

O Tottenham, que pouco assustou, diminuiu no finalzinho do primeiro tempo. Eriksen atacou o espaço na área, recebeu passe de Kane e finalizou. O chute parou no carrinho de Laporte, mas a bola rebateu no próprio Eriksen e rolou para o fundo do gol.

No segundo tempo, o City continuou superior no duelo. Gabriel Jesus assustou os donos da casa, que, mesmo marcando com linhas bem altas, não conseguia deixar o atacante brasileiro em impedimento. Sterling perdeu duas boas chances, mas não desperdiçou a terceira. Jesus finalizou no canto, Lloris espalmou nos pés do meia-atacante, que fuzilou de canhota: 3 a 1. No final do duelo, o goleiro Ederson ainda defendeu um forte chute de Lucas Moura, que entrou na etapa final, para evitar o segundo tento dos Spurs.

Com o resultado, o City alcança 87 pontos e torce por uma derrota do rival Manchester United (segundo lugar, 71 pontos) contra o West Bromwich neste domingo para comemorar o título. Já o Tottenham permanece na quarta colocação, com 67 pontos, a três do Liverpool.

Na próxima rodada, o City pode levantar o troféu da Premier League sem depender do United. Para isso, basta vencer o Swansea, no Etihad Stadium, às 12h30 do próximo domingo (22). O Tottenham, por sua vez, buscará recuperação diante do Brighton, na terça-feira (17), às 15h45.