Internazionale oficializa venda de Éder para Jiangsu Suning, da China

Atacante assina por dois anos e meio e receberá cerca de €13 milhões anuais

Internazionale oficializa venda de Éder para Jiangsu Suning, da China
Divulgação/Inter

Nessa sexta-feira (13), a Internazionale oficializou a venda do atacante ítalo-brasileiro Eder para o Jiangsu Suning por cerca de €5,5 milhões. O atleta assinou contrato de dois anos e meio com o clube chinês e terá um salário de €13 milhões anualmente.

+ Empresário garante que Juventus será último clube de Cristiano Ronaldo

Eder nasceu no Brasil, mas jogou somente no Criciúma e logo foi para a Itália onde passou por vários clubes como: Empoli, Frosinone, Brescia e Cesena, onde conseguiu chamar a atenção da Sampdoria em 2012. No clube genovês, jogou por quatro anos e se tornou um dos principais nomes do time que teve que enfrentar a disputa de uma segunda divisão.

Em 2015, foi chamado pelo então treinador Antonio Conte para defender a Azzurra. Naturalizou-se e jogou a Eurocopa de 2016 com a Itália, fazendo um gol decisivo contra a Suécia. Também estava no grupo que falhou e não conseguiu a classificação para a Copa do Mundo de 2018.

Chegou á Inter em janeiro de 2016 e fez muitas como titular com o treinador Stefano Pioli, por conta de uma lesão de Mauro Icardi, mas mesmo com um reserva, pôde contribuir em várias ocasiões. Perdeu espaço nessa temporada com a chegada do badalado atacante argentino Lautaro Martínez, vindo do Racing da Argentina e deixa os nerrazurri depois de dois anos e meio, com 86 jogos e 14 gols marcados.