Com ''um jogo a mais'', Croácia chega à final desgastada e fortalecida
Divulgação/ FIFA

A seleção da Croácia vem fazendo história na Copa do Mundo da Rússia, os Croatas chegaram pela primeira vez na história do país a uma final de Mundial. O caminho não foi fácil, principalmente no mata-mata onde precisou do tempo extra nas três oportunidades. 

Nas oitavas de final, a equipe precisou vencer da Dinamarca nos pênaltis,  na fase seguinte, foi a vez de ultrapassar a Rússia também nas penalidades. Na semifinal, a Croácia precisou da prorrogação para vencer a Inglaterra. Somando o tempo de todas prorrogações, a Seleção tem um total de 90 minutos acumulado, ou seja uma partida a mais na conta do que a adversária da final, França

O feito entrou para história das Copas, pela primeira vez uma seleção disputa três prorrogações seguidas e chega até a final da competição.A Inglaterra viveu situação parecida na Copa de 1990, porém acabou sendo eliminada na oportunidade.

Não é por acaso que a Croácia tem três jogadores entre os cinco que mais  percorreram distâncias no Mundial, Com Modrić em primeiro, Rakitić em terceiro e Perišić em quinto. Adversário na final, Kanté da França é o quarto colocado. 

Ranking de distâncias percorridas até agora na Copa:

Modric (Croácia): 63km
Zobnin (Rússia): 62,9km
Rakitic (Croácia): 62,8km
Kanté (França): 62,6km
Perisic (Croácia): 62,4km

Com 90 minutos a mais e um dia a menos de descanso é óbvio que a seleção da Croácia sai em desvantagem física na final, porém os Croatas se mostraram muito bem diante da adversidade, sempre tendo que buscar o resultado na campanha. 

Nas três oportunidades a Croácia esteve mais " inteira" que o adversário na prorrogação, isso se deve muito a entrega dos jogadores, contra a Inglaterra na semifinal, depois de terem disputados dois tempos extras seguidos, o técnico Dalić manteve a equipe titular durante os 90 minutos iniciais, fazendo alterações apenas na prorrogação. 

Na Croácia todo desgaste físico é recompensado com a entrega dos jogadores em campo, os 23 escolhidos por Dalić sabem que já fizeram história e continuam fazendo, com a oportunidade de vencer uma Copa do Mundo, todos irão correr todos os minutos possíveis em busca do título.

VAVEL Logo