Reforço do Leipzig, Tyler Adams revela conversas com Pulisic e McKennie sobre a Bundesliga
(Divulgação/RB Leipzig)

Reforço do Leipzig, Tyler Adams revela conversas com Pulisic e McKennie sobre a Bundesliga

Meio-campista conversou com compatriotas que jogam na liga alemã antes de selar sua transferência para os Touros

caio__vinicius
Caio Vinicius

Recentemente anunciado pelo RB Leipzig, Tyler Adams é considerado uma das grandes promessas do futebol dos Estados Unidos. Revelado pelo New York Red Bulls, o volante de 19 assinou um compromisso até 2023 com o time alemão e chega em janeiro no novo clube.

Em entrevista ao jornal Bild, ele revelou que procurou conselhos de seus amigos que jogam na Bundesliga. Os meio-campistas Pulisic, do Borussia Dortmund e McKennie, do Schalke 04, que também são companheiros de seleção do jogador, deram dicas a ele sobre as suas estadias na Alemanha.

"Falei com Christian Pulisic e Weston McKennie sobre a liga enquanto estávamos com a seleção. Ambos são bons amigos meus. Não será fácil se adaptar, mas a Bundesliga é bem conhecida por dar aos jovens uma chance", declarou.

Historicamente, a liga alemã já recebeu vários americanos de braços aberto e muitos ainda estão presentes na liga, como Fabian Johnson, no Borussia Monchengladbach e Brooks, no Hertha Berlim. Além disso a nova safra do futebol americano tem optado por terras alemãs em seus inícios de carreira, como é o caso de Josh Sargent, no Werder Bremen e Haji Wirght, no Schalke.

Adams também desvelou que já esteve na Alemanha e tem estudado a língua há alguns meses. A ideia do volante é chegar já preparado para se adaptar rapidamente na nova vida em Leipzig.

"Eu treinei aqui quando eu tinha 16 anos e até joguei contra o Bayern de Munique com a equipe de juniores. A partir desse momento, soube que queria vir para cá", afirmou.

"Estou aprendendo alemão há cinco meses. É muito difícil, mas quando estou em Leipzig quero falar da melhor maneira possível", completou.

Outro fator que pode ajudar Adams ainda mais no futebol alemão é a presença de Jesse Marsch nos Touros. O auxiliar-técnico do Leipzig foi mentor do garoto em Nova Iorque e agora terá a missão de ajudá-lo novamente.

"Falei com ele recentemente. Obviamente, ele está lá para facilitar as coisas para mim. Ele pode traduzir para mim e me ajudar com outras coisas também", disse.

Apesar de Ralf Rangnick, técnico da equipe alemã, ter rasgado elogios a nova contratação, Adams não vislumbra uma titularidade imediata e prega calma em seu discurso.

"Há tantos bons jogadores em Leipzig e eu quero aprender muito com eles. Os últimos anos têm sido um redemoinho, mas eu sempre tentei levar as coisas passo a passo e tomar as decisões certas. Leipzig é a melhor decisão para mim agora", finalizou.

VAVEL Logo