Klopp louva título do Mundial mesmo com placar mínimo: "Suficiente para merecermos"
Foto:Reprodução/Liverpool

O técnico do Liverpool, Jürgen Klopp comemorou a vitória sobre o Flamengo e evitou certas polêmicas pós-jogo, porém foi categórico após a vitória sobre o rugro-negro. Em coletiva concedida no fim do Mundial de Clubes da FIFA, declarou: "Fizemos coisas que o Flamengo não gostou, eles estavam mostrando respeito por nós. Mas dificultamos a vida deles. Foi um jogo tenso. Não foi a melhor partida que fizemos, mas foi o suficiente para merecermos ganhar. Foi para a prorrogação, mas tudo bem".

Klopp acredita que superou os brasileiros principalmente na parte física. Ressaltou que Diego Alves teve câimbras durante o jogo. A partida teria sido duríssima para ambas as partes, mas quem fez as melhores escolhas nos pontos decisivos levou o Campeonato.

O Flamengo foi elogiado pelo comandante dos Reds, pela temporada praticamente perfeita. Não quis comentar sobre uma possível comparação sobre o nível entre as ligas em que os times jogam e ressaltou a importância do jogador brasileiro no mundo do futebol: "Por que deveria comparar um tipo de jogo e um time? Flamengo é um time muito, muito bom, e queríamos ganhar por causa disso. É só o que precisa saber, não estou aqui para julgar qualidade, comparação de nível do Brasil. O país entrega grande parte dos jogadores do futebol mundial".

E continuou: "Estão por toda parte, alguns são os melhores de seus times. Deveriam estar orgulhosos. Alguns jogam em outros países, três no meu time. São muito decisivos. Firmino marcou hoje à noite, mas eu não comparo ligas ou níveis".

Perguntado se o Flamengo teria, de alguma forma, pego o Liverpool de surpresa pelo estilo agressivo e com o futebol que, em diversos momentos do jogo, chegou a mostrar superioridade sobre os ingleses, foi um pouco mais evasivo: "(o) Flamengo não surpreendeu, falei na primeira coletiva, assisti muito aos jogos do Flamengo nos últimos dias. Principalmente contra o Santos, foi importante para gente, contra o Al Hilal também. Não surpreendeu. Tínhamos que ser diferentes em alguns momentos e foi o que aconteceu. Causamos série de problemas para eles". 

Verdade seja dita, o resultado mostrou a definição de um jogo duro. O Flamengo honrou a sua camisa e quase empata o jogo no final da prorrogação. Klopp pode muito bem ter dito que não foi pego de surpresa, e para os torcedores isso pode ser objeto de discussão.

O fato é que jogando contra o time da terra dos quatro garotos de Liverpool, quem ''tocou'' como os Beatles foi o Flamengo. Perdeu uma partida muito disputada. Infelizmente, no futebol, em algum momento, alguém tem de desafinar.

 

VAVEL Logo