Com gol de CR7, Juventus domina Sampdoria e vence na estreia oficial de Pirlo
Foto: Divulgação / Juventus FC

A busca da Juventus pelo décimo scudetto consecutivo começou neste domingo (20), quando a equipe ganhou da Sampdoria por 3 a 0, na estreia do Campeonato Italiano.

Com desfalques importantes, o estreante Andrea Pirlo surpreendeu na escalação. Ele não pode contar com o zagueiro De Ligt, o lateral esquerdo Alex Sandro e os atacantes Bernardeschi e Dybala, todos vetados pelo Departamento Médico.

O ídolo e agora técnico da Juventus apostou em uma formação diferente, sendo que a principal novidade foi no meio de campo. O norte-americano McKennie começou jogando, deixando no banco o uruguaio Betancur. Ele participou tanto da marcação quanto da criação das jogadas, e ainda finalizou três vezes. Em uma delas, no segundo tempo, o goleiro da Sampdoria salvou a bola em cima da linha. Pirlo também optou por Frabotta ao invés de Douglas Costa, que entrou na etapa final e teve atuação discreta.

Neste sentido, a atual campeã italiana entrou em campo num 3-5-2, com Szczesny no gol, Danilo, Bonucci e Chiellini atrás, Rabiot ajudando na saída de bola, Ramsey circulando por todo o campo, Cuadrado de um lado e Frabotta de outro, invertendo os lados durante a partida, Cristiano Ronaldo e Kulusevski mais adiantados. 

Fora de campo também houve uma novidade em relação ao último jogo da temporada 2019-20: a volta do público aos estádios, ainda em capacidade reduzida para seguir as recomendações em tempos da pandemia da Covid-19. O Allianz Stadium recebeu mil convidados na torcida. 

Ataque contra defesa no primeiro tempo

Quando a bola rolou, a Juventus comandou as ações. Enquanto o time subia, com Ramsey inspirado, a Sampdoria encontrava dificuldades para passar do meio de campo. A chance mais perigosa foi com Depaoli, mas a bola foi para fora. 

A torcida local soltou o grito de gol da garganta aos 13 minutos, quando Cristiano Ronaldo entrou na área e foi travado, mas o rebote ficou com Kulusevski, que chutou de pé esquerdo para fazer 1 a 0. Antes disso, o brasileiro Danilo finalizou com perigo de fora da área mas a bola saiu por cima do travessão.

Sampdoria melhora, mas faltou pontaria 

Insatisfeito com o rendimento da equipe, o técnico Claudio Ranieri realizou três substituições durante o intervalo. Um dos que entrou foi o experiente Quagliarella, que assumiu a responsabilidade e articulou as principais jogadas da Sampdoria na etapa final.

Os visitantes conseguiram trabalhar mais a bola no segundo tempo, com Gastón Ramírez também chegando na frente, enquanto a Juventus administrava o resultado. A vantagem aumentou aos 33 minutos, após uma jogada de escanteio que gerou um bate-rebate dentro da área. A bola sobrou no pé direito de Bonucci, que encheu o pé e marcou o segundo gol.

Na reta final da partida, a Sampdoria armou um contra-ataque e Quagliarella teve a chance de diminuir quando bateu cruzado, no contrapé de Szczesny, mas a bola saiu rente à trave esquerda.  A resposta da Juventus veio em chute cruzado de Cristiano Ronaldo, que usou o pé direito para fazer o primeiro dele na temporada 2020-21 e fechar o placar.

Próximos compromissos

A Roma é o próximo adversário da Juventus, em clássico marcado para domingo (27) no Estádio Olímpico. A Sampdoria, por sua vez, volta a campo no sábado (26) contra o Benevento.

VAVEL Logo