Em noite histórica de Messi, Argentina vence Bolívia pelas Eliminatórias
Foto/Divulgação: Argentina

Na noite desta quinta-feira (9), pelas Eliminatórias Sul-americanas, no Monumental de Núñez, em Buenos Aires, a Argentina venceu a Bolívia pelo placar de 3 a 0, com três gols de Lionel Messi.

Recordes de Messi

Com o hat-trick diante da Bolivia, o camisa 10 bateu dois recordes na mesma noite: superou Pelé como maior artilheiro por seleções sul-americanas, chegando a marca de 79 gols e tornou-se o maior artilheiro da competição, com 26 feitos.

Reencontro

Foi o reencontro da seleção com a torcida após o título da Copa América, conquistada no Maracanã. O público, que ocupou 30% da capacidade máxima do Monumental, pôde ver, além de todas as marcas citadas, um golaço de Messi, que abriu o placar a favor da Argentina. 

Após o apito final, os jogadores mostraram a taça da Copa América e comemoram junto com os torcedores. Messi se mostrou bastante emocionado.

Messi começa a resolver

A Argentina foi superior à Bolívia desde o início, controlando totalmente a partida. A seleção Albiceleste abriu o marcador logo aos 13 minutos, com uma pintura de Lionel Messi. O argentino deu uma caneta em Haquín e chapou no canto direito do goleiro, que pouco pode fazer.

Atrás do marcador, a seleção boliviana até tentou esboçar um reação com Marcelo Moreno, mas sem sucesso. Aos 26 minutos, Lautaro Martínez chegou a ampliar, mas foi flagrado em posição irregular.

Brilho do gênio

Mesmo comandando o placar, a equipe de Scaloni continuou pressionando em busca do segundo gol, e foi recompensada aos 18 minutos, em outro gol de Messi. O artilheiro fez uma bela tabela com Lautaro e balançou as redes, deixando a Argentina com dois gols de vantagem. Com este gol, Messi já havia superado Pelé como artilheiros por seleções sul-americanas.

A Albiceleste trabalhou com o tempo a seu favor, e com a empolgação de sua torcida, que gritava “olé” a cada troca de passes. Aos 42 minutos, Messi marcou seu hat-trick, fechando o placar a favor de sua seleção.

Boa fase

Além do título da Copa América conquistado diante do Brasil, em pleno Maracanã, a Argentina chegou a marca de 22 jogos sem derrotas. São 14 vitórias e 8 empates no período.

Classificação e agenda

A Argentina é a 2ª colocada das eliminatórias, com 18 pontos, o Brasil é o líder com 24. A Bolívia é apenas a penúltima colocada, com seis pontos conquistados. A equipe de Scaloni volta a campo apenas no dia 7 de outubro, uma quinta-feira, quando visitará o Paraguai, às 16h. A Bolívia irá visitar o Equador no mesmo dia e no mesmo horário.

VAVEL Logo