Cristiano Ronaldo renova contrato até 2021 e projeta: "Me aposentarei no Real"

Um dos melhores atletas do mundo afirma que não vai dar ouvidos a propostas de outros clubes milionários na Europa, como Paris Saint-Germain e Manchester City

Cristiano Ronaldo renova contrato até 2021 e projeta: "Me aposentarei no Real"
Cristiano Ronaldo ficará no Real Madrid por mais cinco anos

Cristiano Ronaldo permanece como jogador do Real Madrid e põe fim a todas as especulações da saída do atacante da capital espanhola. Pelo menos a informação é defendida e veiculada pela Cadena SER. Segundo o meio de comunicação espanhol, CR7 estendeu o vínculo contratual com a equipe merengue até o dia 30 de junho de 2021, e o contrato será assinado após a decisão da Uefa Champions League disputada contra o Atlético de Madrid, na tarde do próximo sábado (28), no Estádio San Siro, em Milão.

Segundo informações circuladas na imprensa da Espanha, Cristiano Ronaldo decidiu se aposentar no Real Madrid. Desde o mês de fevereiro, as conversas foram abertas com o objetivo de prorrogar o vínculo contratual. O agente do jogador, Jorge Mendes, e a diretoria da equipe merengue, teriam chegado a um acordo com o objetivo de garantir a permanência do atleta na capital espanhola até os 36 anos de idade.

Em entrevista ao canal La Sexta, o goleador lusitano rechaçou a intenção de encerrar a carreira futebolística como jogador merengue, como uma forma de retribuir às conquistas individuais e coletivas com a equipe.

"Vou me aposentar no Real Madrid. Em 15 anos, no mínimo. Quero deixar o time aos 41 anos ou algo assim. Vamos ver se renovaremos o contrato ao fim da temporada. Seria um ato pronto do Real Madrid se renova o contrato. Eu quero ficar aqui. Houve bons momentos e outros momentos maus. Quatro anos atrás eu não estava feliz, agora sim estou contente e não vejo outro clube melhor que o Real Madrid. Não há outro melhor. Que os outros clubes esqueçam disso", afirmou CR7.

O português também comentou sobre os dois treinadores que comandaram o Real Madrid na atual temporada, que será encerrada neste fim de semana. De um lado, Rafael Benítez, que começou a temporada, não agradou e foi demitido na metade do caminho. Do outro, Zinédine Zidane, ídolo merengue, que resgatou o espírito da equipe e reconduziu los blancos à disputa pelo título do Campeonato Espanhol e da Uefa Champions League.

"Algumas coisas podem ser aprendidas, outras coisas não. Mas você sempre pode aprender com os treinadores. Em Rafael Benítez eu vi coisas diferentes em relação aos demais. Existem coisas que ninguém pode ensinar. Benítez me dizia como chutar na bola. Eu dizia 'ok'. É melhor dizer 'obrigado'. Zidane é uma pessoa inteligente. Ele não fala muito e é muito positivo. Eu me identifico com ele. Quero ganhar e que Zidane permaneça nos próximos anos. Não tem experiência como treinador, mas está buscando seu caminho muito bem", explicou.

Cristiano Ronaldo concluiu a entrevista ao comentar sobre a final disputada no próximo sábado, além de seu condicionamento físico para o jogo mais importante do Real Madrid na atual temporada.

"Seria um fracasso não ganhar a Champions League. Se ganhar, a temporada será excelente. Se perder, será um fracasso. Mas acredito que vamos ganhar a Uefa Champions League. A temporada será 'top'. Eu estarei 100%, melhor do que na final em Lisboa [2014]. É terrível não estar bem na final de uma Champions League. Eu sei que a culpa é minha porque eu gosto de jogar tudo. Tenho que aprender a dosar o ritmo", finalizou o ídolo máximo do Real Madrid na atualidade.