Chelsea continua boa fase, massacra Everton e dorme líder da Premier League

Blues não foram bons anfitriões e venceram Toffees por 5 a 0; Topo da tabela pode ser tomado pelo Arsenal ou Liverpool, que jogam amanhã

Chelsea continua boa fase, massacra Everton e dorme líder da Premier League
Foto: Clive Rose / Getty Images
Chelsea
5 0
Everton
Chelsea: Courtois; Azpilicueta, David Luiz, Cahill (Terry 84'); Moses, Kanté, Matic, Alonso; Pedro (Oscar 71'), Diego Costa, Hazard (Batshuayi 80').
Everton: Stekelenburg; Coleman, Williams, Jagielka, Funes Mori, Oviedo (Mirallas 36'); Cleverley, Barry (Davies 66'), Barkley; Lukaku, Bolasie (Lennon 60').
Placar: 1-0, min. 19, Hazard. 2-0, min. 20, Alonso. 3-0, min. 42, Diego Costa. 4-0, min. 56, Hazard. 5-0, min. 65, Pedro.
ÁRBITRO: Robert Madley. Amarelos: Bolasia 15', Jagielka 30', Barry 64'.
INCIDENCIAS: partida válida pela 11ª rodada da premier league 2016/2017, realizado no stamford bridge, em londres.

Continuando a boa fase que anda tendo após um começo duvidoso, o Chelsea recebeu o Everton pela 11ª rodada da Premier League 2016/2017, na tarde deste sábado (5). Os Blues venceram os Toffees com folga, goleando por 5 a 0, com gols de Alonso, Diego Costa, Pedro e dois de Hazard

O resultado, aproveitando o tropeço do Manchester City mais cedo, dá a liderança da competição para o Chelsea, com 25 pontos, um a menos que os Citizens. O Arsenal ou Liverpool, porém, ainda podem tomar a liderança do campeonato, caso vençam amanhã. A derrota mantém o Everton na sexta posição, com 18 pontos ganhos.

A data Fifa chega nas próximas duas semanas e pausa o campeonato. Ele retorna no próximo dia 19, quando o Everton recebe o Swansea, às 13h. O Chelsea viaja para enfrentar o Middlesbrough, um dia depois, às 14h. Ambos horário de Brasília. 

Chelsea controla primeiro tempo e abre três de vantagem

Inicialmente a partida mostrou sinais da grande velocidade que a Premier League proporciona em muitos momentos, mas logo a partida acabou se tornando um pouco mais físico e sem nenhuma chance nos primeiros minutos. O Chelsea, porém, martelou bastante o Everton, buscando sempre achar algum espaço em velocidade ou com toques rápidos para conseguir chegar em condições de chute.

Aos 18 minutos, porém, em contra-ataque, Diego Costa tocou para Hazard que, com calma, levou da esquerda para o meio, abriu espaço e bateu da lateral da área, vencendo o arqueiro adversário e abrindo o placar. No minuto seguinte, em novo contragolpe, toque para a área, o camisa 19 não conseguiu chegar na bola e deixou para Alonso que bateu com força e rasteiro por baixo das pernas do goleiro, fazendo o segundo. 

Apesar de ter tido uma cobrança de falta para a área perigosa, o Everton não mostrou perigo propriamente dito ao Chelsea, sendo os Blues os controladores do jogo, principalmente depois de abrir dois de vantagem. A equipe azul de Londres conseguiu tocar mais a bola, diminuindo um pouco mais o ritmo de jogo. Aos 33, o time da casa quase faz o terceiro com Moses. O nigeriano recebeu pela direita em cruzamento e bateu de primeira, mas a bola explodiu na trave. 

Com 41 minutos marcados no relógio, cruzamento em escanteio para a área, a bola acaba desviada e sobra no pé de Diego Costa, que chuta de primeira e manda com força pro fundo das redes, fazendo o terceiro. Já nos acréscimos, Diego novamente apareceu pela direita em toque recebido de Pedro, que havia arrancado pelo mesmo lado. O brasileiro naturalizado espanhol não conseguiu finalizar para o gol, mandando para fora. 

Chelsea continua ofensivo e marca mais dois

Os donos da casa continuaram com a intensidade apresentada no primeiro tempo, mostrando vontade e querendo mais gols. Com 10 minutos da segunda etapa, já haviam aparecido com perigo duas vezes e outras duas com criação de oportunidade que acabou com a zaga afastando. No 10º minuto, porém, Hazard tratou de garantir conforto naquele momento. Em jogada bem trabalhada coletivamente, a bola chegou nos pés de Hazard em bom toque de calcanhar de Pedro. O belga avançou e chutou de esquerda no canto, fazendo o quarto. 

Diego Costa recebeu bola aos 17 minutos e mandou de rpiemria depois de grande jogada coletiva do Chelsea, mas Stekelenburg fez a defesa. Três minutos depois,, em contra-ataque, Pedro aproveitou sobra de bola em sua frente e empurra pra dentro do gol com facilidade, abrindo o quinto. Os donos da casa tiveram oturas boas oportunidades de alargar o placar, mas sem sucesso. 

City sofre gol no fim, empata com Middlesbrough e perde liderança após 10 rodadas

Quando o relógio brasileiro de verão marcou, neste sábado (5), 13h, Manchester City e Middlesbrough se enfrentaram no Etihad Stadium. Depois de encerrar uma série negativa no meio de semana, os Citizens tinham a chance de começar uma boa fase, mas o Boro se intrometeu e estragou a chance. A partida terminou em 1 a 1, com gols de Agüero e de Roon. 

Agora, o City cai para a segunda posição, indo a 24 pontos, podendo ainda ser ultrapassado pelo Arsenal ou Liverpool amanhã. O Middlesbrough conquista seu segundo ponto com adversários que brigam pelo título fora de casa e chega a 11 pontos, se mantendo longe da zona de rebaixamento na 14ª posição. 

Na próxima rodada, o Boro recebe o Chelsea no próximo dia 20, às 14h, e o City visita o Palace, no dia 19 às 13h.

Foto: Laurence Griffiths / Getty Images
Foto: Laurence Griffiths / Getty Images