Artilheiro e "garçom": Arrascaeta faz melhor temporada da carreira com a camisa do Cruzeiro
Arrascaeta foi destaque na classificação do Cruzeiro sobre o Corinthians para a semifinal da Copa do Brasil de 2016 (Foto: Juliana Flister/Light Press/Cruzeiro)

Uma das principais peças do elenco do Cruzeiro, o meia Arrascaeta encerra, em 2016, sua segunda temporada vestindo a camisa do clube. E não foi de qualquer forma. Mesmo não levantando nenhum troféu com a Raposa no ano, o uruguaio anotou boa atuação e teve números expressivos em 2016.

Artilheiro da equipe, com 14 gols, e líder em assistências, com 17, Arrascaeta disputou 53 partidas pelo clube mineiro neste ano e melhorou as marcas que havia atingido em 2015 pelo time. Na ocasião, foram nove gols e quatro assistências (em 43 jogos). Além de aprimorar sua performance com a própria camisa celeste, em 2016, o uruguaio atingiu os melhores números da carreira, nesta temporada.

Acho que foi um bom ano para mim, cresci muito nessa segunda temporada de Cruzeiro. Foi a primeira vez em campeonatos que marquei tantos gols e pude dar muitas assistências. Na minha posição tenho que ajudar os meus companheiros a marcar e também tenho a possibilidade de fazer os gols, e isso acabou acontecendo”, avaliou Arrascaeta.

Antes de chegar ao Cruzeiro, no início no ano passado, o uruguaio nunca tinha deixado seu país para defender um time estrangeiro. Até então, Arrascaeta era atleta do Defensor-URU, e em território brasileiro, jogando por um dos principais clubes do país, encontrou um panorama mais exigente.

Adquiri alguma experiência dentro e fora do campo. Vim de um time menor do Uruguai, onde se joga 30 partidas ao ano e senti a diferença. No meu segundo ano, com uma boa preparação física durante todo o período, aliado a experiência, me senti mais à vontade dentro de campo”, disse o camisa 10 da Raposa.

Passou em branco. Em 2016, o Cruzeiro não conquistou nenhum título, e ainda pelo segundo ano consecutivo. Com a permanência do técnico Mano Menezes, que terá pela primeira vez uma pré-temporada para pensar sua equipe, Arrascaeta acredita que a chance de encerrar esse jejum é grande, e aposta no comando do gaúcho.

A possibilidade [de títulos] é muito boa, o técnico conhece cada jogador e nós sabemos como ele gosta de trabalhar. Temos um grupo muito forte e unido, tenho certeza que nesse próximo ano vamos brigar pelos títulos”, afirmou.

Arrascaeta carrega a camisa 10 da Raposa (Foto: Washington Alvez/Light Press/Cruzeiro)

Números de Arrascaeta nos últimos anos

2016 - Cruzeiro 

53 jogos

14 gols

17 assistências

2015 - Cruzeiro

43 jogos

9 gols

4 assistências

2014/2015 - Defensor-URU
(no Campeonato Uruguaio)

11 jogos

6 gols

3 assistências

2013/2014 - Defensor-URU

38 jogos

9 gols

12 assistências

2012/2013 - Defensor-URU
(no Campeonato Uruguaio)

16 jogos

3 gols

2 assistências

VAVEL Logo