Relembre: há dez anos, Botafogo vencia o Fluminense na inauguração do Nilton Santos
.

O Rio de Janeiro viveu um momento especial no dia 30 de junho de 2007. Era a inauguração do Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, atualmente apelidado de Nilton Santos. Fluminense e Botafogo se enfrentavam em uma partida que valia muito mais que os três pontos. Afinal de contas, quem marcasse o primeiro gol entraria para a história.

Foi o que aconteceu com o Alex Dias, atacante do Fluminense na época. O camisa 7, que pouco era lembrado às vésperas do clássico, teve o privilégio de fazer o primeiro tento do estádio Nilton Santos. Mas a euforia acabou durando pouco, pois Dodô, o artilheiro dos gols bonitos, marcou duas vezes e sacramentou a virada botafoguense por 2 a 1.

Em homenagem aos dez anos do estádio Nilton Santos, a VAVEL Brasil relembra para você, neste especial, todos os detalhes do clássico Fluminense 1 x 2 Botafogo.

O jogo

Pela magnitude do evento, Fluminense e Botafogo entraram nervosos em campo, cometendo muitas faltas e sem conseguir colocar a bola no chão. A primeira chance de gol nasceu dos pés de Alex Dias, que de fora da área, chutou fraco nas mãos de Júlio César. E isso era o prenúncio do que estava por vir, tendo em vista que o Botafogo pouco conseguia chegar ao ataque.

Aos 28, aconteceu o primeiro gol da partida. Alex Dias recebeu bom passe de Maurício, driblou Júlio Cesar, e sem ângulo, chutou para estufar a rede alvinegra. Com esse tento, o camisa 7 recebeu, após a partida, o prêmio Troféu Valdir Pereira, o Didi, autor do primeiro gol do Maracanã. Pressionado, o Botafogo tentou ir ao ataque em busca do empate, mas a falta de organização foi o seu principal empecilho. Com isso, o Tricolor terminou a primeira etapa em vantagem.

No segundo tempo, a história foi outra. O Botafogo retornou bem mais ligado e querendo jogo, enquanto o Fluminense ficava acuado. Logo aos sete minutos, veio o empate alvinegro. Roger derrubou André Lima na área a o árbitro marcou o pênalti. Dodô foi para a cobrança e deixou o clássico tudo igual.

Depois do empate, a partida ficou aberta, com ambas as equipes indo ao ataque buscando o gol. Carlos Alberto, pelo lado do Flu, e Joílson, do Bota, quase marcaram em chutes de fora da área. Aos 30 minutos, o Tricolor ficou com um jogador a menos. Cícero fez falta dura em Juninho e foi expulso.

Em vantagem numérica, o Alvinegro não teve dificuldades para marcar o segundo gol. Pela direita, o atacante André Lima cruzou para Dodô, que sem marcação, cabeceou e virou o jogo para o Botafogo aos 33 minutos. No fim, o Flu ainda esboçou uma reação, mas em vão. A vitória foi alvinegra na inauguração do Engenhão.

Veja os gols de Fluminense 1 x 2 Botafogo

VAVEL Logo