Cruzeiro estuda condição para emprestar Judivan e analisa situação de outros dois atletas
Devido a uma lesão no joelho esquerdo, atacante ficou dois anos e cinco meses sem jogar (Foto: Washington Alves/Lighpress)

Enfrentando uma grande concorrência no Cruzeiro, o atacante Judivan está tendo a situação analisada pela diretoria da Raposa. Os dirigentes, que estão recebendo sondagens de clubes brasileiros - como o Fortaleza - veem com bons olhos a liberação do atacante, que poderia ter mais oportunidades em outras equipes.

A expectativa é que a situação do jovem seja resolvida até a próxima semana. Outros dois atletas que podem ser liberados nos próximos meses são o volante Lucas Silva e o atacante Rafael Marques.  Judivan, que vem de uma lesão gravíssima no joelho esquerdo, ainda não recebeu nenhuma oportunidade do técnico Mano Menezes nesta temporada. Em entrevista coletiva, ao final da partida contra a URT, nesta quarta (7), o comandante explicou a situação do atacante.

“A gente tem um número maior de atacantes, por isso estamos segurando um pouco mais em relação ao Judivan. Temos recebido consultas de times interessados em levá-lo (por empréstimo), e estamos analisando para que essa questão seja uma questão muito boa. Se fizermos, vamos fazer para uma estrutura muito boa para evoluir da maneira que vem evoluindo. Judivan não ficou fora de nenhum treinamento, está dentro do nível que queremos e vamos continuar pensando assim”, destacou.

Rafael Marques

Contratado pelo Cruzeiro em maio de 2017 junto ao Palmeiras, o atacante Rafael Marques está tendo poucas chances na equipe da Toca. Devido ao grande número de opções ofensivas do elenco celeste, o camisa 15 pode ser liberado pela diretoria diante de ofertas. Mas, por enquanto, o atacante, que tem contrato com o Cruzeiro até o final do ano, recebeu apenas uma oferta da Chapecoense, que foi rejeitada pelo atleta. A permanência de Rafael Marques na Toca II segue indefinida.

Lucas Silva

Outro jogador que tem a situação indefinida é o volante Lucas Silva. O camisa 16 – pertence ao Real Madrid – tem contrato de empréstimo com a Raposa até o final de junho. O volante, formado na base do Cruzeiro, explicou nesta semana, em entrevista, a sua atual situação.

"Continuo até o meio do ano. Imagino que a gente comece a ter conversas já no fim deste mês para definir ou ao menos ter um início de conversas de alguma condição sobre o que vai acontecer. Mas, estou muito tranquilo. Estou bem focado aqui nessa reta final do meu contrato. Vou deixar as coisas acontecerem quando iniciarem as conversas", afirmou.

VAVEL Logo