Na partida de ida da Copa do Brasil, Atlético-PR vence São Paulo e larga na frente
Foto: Miguel Locatelli / Site Oficial CAP

Nesta quarta-feira (4), diante de 24.545 mil presentes, o Atlético-PR venceu o São Paulo por 2 a 1 pelo primeiro confronto da 4ª fase da Copa do Brasil. Com gols de Pablo e Paulo André, o Rubro-Negro construiu a vantagem para o jogo de ida; Tréllez foi o responsável pelo tento que descontou o placar.

Com o resultado, o Furacão mantém retrospecto implacável contra o Soberano, na Arena da Baixada. O clube paulista nunca trinfou sobre o clube paranaense em sua casa. No total, são 18 confrontos; 13 vitórias e 5 empates.

No primeiro tempo, a partida iniciou com o time de Fernando Diniz em querendo jogar no campo ofensivo, enquanto a equipe visitante tentava se defender e chegar ao gol quando tinha espaços. As duas primeiras oportunidades do jogo foram do tricolor. Aos oito minutos, Petros lançou o atacante Tréllez, dando tempo para que Santos se adiantasse e cortasse; Aos 14, Marcos Guilherme carregou sozinho por dentro e rolou para Tréllez arrematar, mas bola passou ao lado do gol.

A resposta do Furacão veio aos 17 minutos, em boa tabela entre Guilherme e Lucho. O volante recebeu do camisa 10 e tentou cruzar, mas na hora h, o zagueiro Arboleda cortou. Aos 23, Pablo foi lançado e aproveitando falha de Rodrigo Caio, o atacante finalizou e a bola bateu em Arboleda, no rebote ele soltou a bomba, sem chances para Sidão. 1 a 0 Atlético.

Após o gol, o time paranaense manteve a posse de bola, mas não transformou em chances perigosas. São Paulo também não assustava. Aos 43, o Furacão teve oportunidade de ampliar. Carleto bateu falta e em falha do sistema defensivo, Raphael Veiga recebeu sozinho na segunda trave e não concluiu bem. 

Na segunda etapa, o rubro-negro voltou mais cauteloso e esperou o São Paulo em seu campo de defesa. A primeira chance na volta ao campo foi do Atlético aos nove minutos, com Nikão, que recebeu bola de Pablo na área e quase ampliou. Embora o São Paulo continuasse mais com a bola, as melhores chances inicias foram da equipe da casa. Aos 12 minutos, em jogada trabalhada desde o campo defensivo, Guilherme recebeu deu Carleto na área e tocou por cobertura e quase marcou. Aos 15, em escanteio cobrado por Thiago Carleto, o sistema defensivo paulista falhou e Paulo André fez o 2 a 0.

A partir do segundo gol, Atlético recuou mais e deu mais campo ao São Paulo para produzir. Logo após, Reinaldo recebeu lançamento e fez bom cruzamento para Tréllez, que antecipou Paulo André e estufou as redes para fazer o 2 a 1. Depois do gol tricolor, Reinaldo quase igualou tudo em boa jogada de Liziero. O Atlético respondeu aos 32 minutos com chute de Nikão, que parou no goleiro tricolor. Depois desse lance, o jogo seguiu morno.

Com o resultado, o Furacão vai ao Morumbi com a vantagem de um gol. Somatórios iguais no placar levam à partida para os pênaltis, visto que essa edição da Copa do Brasil não tem o critério do gol fora. O próximo desafio está marcado para quinta-feira (19), às 19h15. 

 

VAVEL Logo