Andrés Sanchez volta ao Brasil com 'reforços encaminhados' e 'novela mexicana' na bagagem
Foto: Reprodução

Andrés Sanchez volta ao Brasil com 'reforços encaminhados' e 'novela mexicana' na bagagem

Em meio a turbulência dentro de campo, presidente do Corinthians foi à Inglaterra e Espanha em busca de reforços para 2019

sandro
Sandro Vieira

Depois de uma semana de viagem pela Europa para buscar reforços, Andrés Sanchez, está de volta ao Brasil. O dirigente Alvinegro realizou encontros e reuniões no Velho Mundo e disse, em conversa informal com jornalistas, que existe a possibilidade de fechar "quatro ou cinco" jogadores.

Andrés foi fotografado com o empresário Kia Joorabchian, sócio de Giuliano Bertolucci que agência diversos jogadores pelo mundo. Apesar disto, o presidente do Timão preferiu não tocar em nomes, mas negou que Lucas Piazon, ex-São Paulo, atualmente no Chelsea, esteja na lista de reforços. 

Sanchez afirmou que na viagem "praticamente" acertou a vinda de um atacante para o time em 2019. A posição é vista como a mais carente no atual time do Corinthians. Roger, Jonathas e Mateus Mathias não convenceram. Gustagol, emprestado ao campeão da Série B, Fortaleza, e artilheiro do Brasil na temporada, deve voltar a integrar a equipe Paulista. 

Na Espanha, Andrés se encontrou com o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, em conversa intermediada por Ronaldo Fenômeno - o ex-jogador esteve com o dirigente durante toda a viagem. Segundo informações do jornal "Marca" de Madrid, a reunião entre os presidentes foi pautada pelo nome de Pedrinho, meia atacante do Timão. Os merengues tem interesse no atleta e Ronaldo - dono de um time na Espanha, o Valladolid - que o jogador passe por um empréstimo ao seu time para ganhar corpo para integrar o time principal do Real. 

Andrés Sanchez negou tal negociação e disse que a história parece "roteiro de novela mexicana". 

VAVEL Logo