Tendo a zaga como pilar, Botafogo dribla fase ruim e vive bom momento na temporada
Foto: Vitor Silva / SSPress / Botafogo

Tendo a zaga como pilar, Botafogo dribla fase ruim e vive bom momento na temporada

Sem sofrer gols a três jogos, Botafogo tem em Carli e Gabriel peças fundamentais para a decisão contra o Defensa y Justiça na próxima quarta-feira

marco-aurelio
Marco Aurélio Ferreira de Alencar

Os primeiros jogos da temporada de 2019 não foram nada felizes para o torcedor botafoguense. Tendo seu primeiro triunfo apenas na última rodada da Taça Guanabara, o Alvinegro foi eliminado da disputa pelo título ainda na fase de grupos, o que inflamou crises internas no clube e a revolta de muitos torcedores nas redes sociais.

Entretanto, após esse início irregular, o time acumula no momento três  vitórias consecutivas, e essa aparente entrada nos trilhos está diretamente ligada a sua dupla de zaga. Desde de a estreia de Carli - quando o argentino começou a jogar ao lado de Gabriel - o Botafogo emendou uma sequência de três  resultados positivos sem sofrer gols, feito que não ocorria desde setembro de 2017.

Está boa fase veio em um momento muito importante para o time. Na próxima quarta-feira (20), os cariocas vão disputar a partida de volta contra o Defensa y Justiça pela primeira fase da Copa Sul-Americana. Os adversários estão na segunda colocação do Campeonato Argentino - seguem invictos na competição-, e apesar de terem sido derrotados pelo Glorioso no Nilton Santos, mostraram que tem capacidade de complicar vida do time no próximo encontro. Porém, com a vitória por 1 a 0 dentro de casa, o Alvinegro joga pelo empate na Argentina.

A venda de Igor Rabello para o Atlético Mineiro gerou muita desconfiança sobre como o sistema defensivo do clube iria render em 2019. Todavia, o zagueiro Gabriel, que foi contratado após a perda de Igor para o Galo, vem suprindo bem a falta do jogador até aqui. O jovem de 23 anos vem sendo muito elogiado pelos torcedores, e esteve em campo durante todo o tempo nos últimos seis jogos do time. O novato não atuou apenas na primeira partida da temporada, e após a formação com Carli ao seu lado, seu desempenho aumentou ainda mais.

"Muito feliz com esse momento que estamos vivendo. Não tomar gols é fundamental, e todos estão de parabéns. Não quer dizer que quando toma muito gol é culpa da zaga nem quando não toma a zaga é a melhor" - disse o zagueiro

Sobre seu companheiro de zaga, Gabriel não poupou elogios ao argentino. Os dois provavelmente serão os titulares da posição, então o recém-chegado entende a importância de se entrosar com o companheiro o mais rápido possível.

"Carli dispensa comentários. É um líder dentro e fora de campo. Um exemplo. Estamos fazendo uma parceria que está dando muito certo. Vamos nos entrosar mais para fazer um grande ano."

O jogo entre Botafogo e Defensa y Justiça será realizado no Estádio Norberto "Tito" Tomaghello, em Buenos Aires, na quarta-feira (20),  ás 21:30h (de Brasília). O confronto vale a classificação para a próxima fase da Copa Sul-Americana, e o Glorioso tem a vantagem do empate.

 

VAVEL Logo