Com liminar na justiça, Thiago Galhardo consegue rescisão contratual com o Vasco
Divulgação/Vasco

Com liminar na justiça, Thiago Galhardo consegue rescisão contratual com o Vasco

Treinando afastado, já que não fazia mais parte dos planos do clube, jogador está livre para buscar novo time

agnesrigas
Agnes Rigas

Desde da vitória de 2 a 1 sobre o Bangu, no Campeonato Carioca, o Vasco já havia alegado que não pretendia contra com o jogador Thiago Galhardo para a temporada de 2019. Treinando separadamente do elenco principal, o atleta conseguiu uma liminar e acabou rescindindo seu contrato com o clube cruz-maltino.

Quando foi divulgado que o atleta não fazia parte mais dos planos do clube, o Gigante da Colina divulgou que o afastamento aconteceu não por questões disciplinares, mas sim porque havia um desgaste interno com o mesmo, e levou a diretoria a tomar tal decisão.

Com o advogado Rafael Cobra representando Galhardo, o meia argumenta a falta de pagamento de seus salários de fevereiro e março de 2019, o não recebimento de seu 13° e ainda mais cinco meses de FGTS (de novembro de 2018 até março deste ano) em atraso. Com essas alegações, o jogador conseguiu desfazer seu contrato com o clube que terminava em dezembro de 2019.

O empresário de Thiago, Flávio Trivella, relatou já ter ouvido algumas propostas de outros clubes brasileiros. O relatado por ele foi o Ceará, e ainda diz que está vendo a proposta com cautela para que o negócio seja bom para as duas partes.

"O Ceará é um time grande, sério, organizado. Recebemos a proposta, que foi muito boa, com alegria. Estamos vendo a negociação com bons olhos", disse Trivella.

VAVEL Logo