Roger compreende vaias da torcida, mas reclama de arbitragem após derrota da Ponte
Foto: Álvaro Jr. / Ponte Press

Ponte Preta e Vila Nova se enfrentaram nesta quinta-feira (12) no estádio Moisés Lucarelli, em partida válida pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de jogar fora de casa, em Campinas, a equipe goiana levou a melhor e ganhou por 1x0, com gol de pênalti, marcado por Alan Mineiro.  

O lance da penalidade foi polêmico, e, para o atacante Roger, a Macaca vem sendo prejudicada pela arbitragem. O jogador também deu razão à torcida, que vaiou a equipe na saída de campo. 

“Torcedor tem toda razão de reclamar, de cobrar. A gente não fez um mau primeiro tempo, teve a posse, o jogo. Pênalti muito mal marcado, como sempre a gente reclamando, mas a Ponte está desfavorável devido ao jogo da Copa do Brasil. Mexe lá em cima e tem pouco de problema depois”, afirmou o camisa 9. 

Com a derrota, a Macaca caiu para a nona posição na tabela, somando apenas uma vitória nos últimos cinco jogos. Após mais um resultado negativo, o goleiro Ivan, promessa da Ponte Preta, lamentou os pontos desperdiçados e ligou o sinal de alerta. 

“Infelizmente não saímos com a vitória, precisamos reagir o quanto antes. Nos últimos jogos deixamos um pouco a desejar, Série B é muito difícil”, alertou o jogador. 

Ivan foi convocado por Tite para os amistosos da Seleção Brasileira, disputados nos Estados Unidos, contra Colômbia e Peru. Assim, o arqueiro perdeu os treinamentos da semana e era dúvida para a partida. Ele desembarcou em Campinas menos de um dia antes do confronto, mas mesmo assim foi titular. Após o apito final, o goleiro comentou a situação. 

“Passei a noite toda viajando, mas deu para dar uma descansada boa depois. Estava com vontade de ajudar a equipe”, contou o jogador. “Eu estava bem disposto, queria ajudar a equipe, sofremos um gol de pênalti, mas não saímos com a vitória", completou. 

VAVEL Logo