Mesmo com vitória, Coudet visa evolução no Internacional: "Necessitamos de tempo"
Foto: Reprodução/Inter

Em duelo de estreia pela primeira rodada do Grupo E da Libertadores, o Internacional venceu a Universidade Católica. Em duelo marcante, o artilheiro Guerrero teve atuação marcante na noite de terça (3), marcando dois gols e dando assistência em mais um no Beira-Rio. Assim, o Colorado começou com um 3 a 0 sobre os chilenos. E o técnico Eduardo Coudet gostou.

"Necessitamos de tempo, que os jogadores entendam o sistema para poder executar. Colocamos muitos jogadores no ataque. É preciso equilíbrio. Hoje fomos muito bem e estou muito contente. Eles trabalham de uma grande forma. Foi um lindo jogo e pudemos oferecer à torcida um bom espetáculo. Vamos muito felizes nesta noite", disse Coudet.

O treinador contou substituições nesse embate e explicou a saída pouco satisfatória do volante Rodrigo Lindoso:

"Não gostei de tirar Lindoso, mas era o que tinha que fazer. Não quer dizer que amanhã não começará Lindoso ou outro jogador. Tratamos de ver os jogos dos rivais, o que nos beneficiará e falar a verdade. Não menti ao dizer que a fase de grupos será diferente e há margem de erros."

Ainda sobre a equipe, Coudet afirma não falar individualmente com os jogadores ao ser questionado sobre Thiago Galhardo:

"Sempre digo o mesmo. Não gosto de falar individualmente. Todos são importantes, (Galhardo) é importante. Está bem. Às vezes joga, às vezes não. Depende do que penso para cada jogo. Fico contente, não só por Thiago, mas pelo grupo, que fez um grande jogo."

Somando três pontos, o Inter ocupa a primeira posição do Grupo E. Na próxima rodada enfrentará o Grêmio, quinta (12) às 21h, na Arena do Grêmio. Será o primeiro Gre-Nal na história da Libertadores.

VAVEL Logo