Afobado e tenso, Fluminense empata com Botafogo e chega à final da Taça Rio
Mailson Santana/Fluminense F.C

Avança o Tricolor! Pela semifinal do segundo turno do Campeonaro Carioca, Fluminense empatou com Botafogo por 0 a 0 na tarde deste domingo (5), no Estádio Nilton Santos. A equipe tricolor tinha a vantagem do empate por ser o primeiro colocado do grupo B, agora está garantido na final da Taça Rio contra o Flamengo. No entanto, é a terceira partida do Tricolor das Laranjeiras desde a retomada do segundo turno sem fazer nenhum gol.

Não há apenas um culpado, é claro, mas fica o registro à mais uma fraca atuação do time das Laranjeiras. O aspecto físico não pode ser tomado como regra para justificar a falta de gols. Do outro lado, o Botafogo passou pelo mesmo trabalho e faltou mira nas finalizações. Então, nada de placar movimentado no Rio de Janeiro.

Algumas boas investidas, mas nada de gol

O Tricolor iniciou bem a partida tomando conta da posse de bola e fechando o meio campo com três volantes, Yago Felipe, Hudson e Dodi, este por último que foi o substituto de Marcos Paulo. A boa iniciativa durou dez minutos, mas não resistiu quando a marcação do Alvinegro encontrou o equilíbrio necessário para impedir o ataque do adversário.

Pedro Raul, centroavante do Botafogo, levou perigo três vezes para o gol do Muriel, que em uma delas salvou com a ponta dos dedos. O ataque do Glorioso foi mais eficiente com a bola nos pés, enquanto o Flu não soube aproveitar as oportunidades. Fred, mais uma vez, não teve uma boa atuação e ficou a mercê da falta de armação de jogadas da equipe tricolor. Em 90 minutos de jogo teve apenas uma boa oportunidade de fazer o gol, mas não aproveitou.

Além do centroavante alvinegro, o Botafogo levou perigo também com o Bruno Nazário que beliscou uma bola na trave, perdendo a oportunidade de garantir a vaga para a final da Taça Rio. A equipe estava mais tímida que a do Tricolor, mas sabia conduzir a bola e envolver mais na partida.

As entradas de Marcos Paulo e Evanilson no lugar de Nenê e Fred deram mais fôlego para o Fluminense, porém a equipe ainda não encontrou a forma ideal de jogo para surpreender o adversário. A atuação ainda é monótona e não leva perigo, não à toa, não fizeram nenhum gol desde a retomada do segundo turno com a extensa opção de ataque. 

As boas atuações ficaram por conta de Nino, que esteve nos 90 minutos seguro e com passes curtos para não levar perigo. E também para o goleiro Muriel, que desta vez, fez uma boa partida salvando a equipe mais de uma vez.

A próxima é decisão

O Fluminense, líder do grupo B, com dez pontos, volta a jogar na próxima quarta-feira (8), contra o Flamengo, líder do grupo A, com quinze pontos, pela final da Taça Rio, no Maracanã. A equipe rubro-negra garantiu o passe vencendo o Volta Redonda por 2 a 0 neste domingo.

VAVEL Logo