Com iminente risco de queda, Vasco precisa quebrar jejum de dez anos diante do Corinthians 
Foto: Rafael Ribeiro/ CR Vasco da Gama

Ao longo dos últimos anos o Corinthians tornou-se a principal pedra no sapato dos vascaínos. Precisamente 18 jogos de jejum separam o Cruzmaltino da vitória diante do Timão e para chegar na 38a rodada dependendo apenas de si para não ser rebaixado, a equipe de Luxemburgo precisa reverter a freguesia que dura dez anos.

Desde o fatídico 13 de outubro de 2010, quando no Pacaembu o Vasco venceu o Corinthians por 2 a 0 (Zé Roberto e Éder Luís), já se passou uma década, três Presidentes da República e dois rebaixamentos do time carioca. Nesse intervalo o Timão já eliminou o rival nas quartas de final da Copa Libertadores 2012 e aplicou goleadas memoráveis como o 3 a 0 na Neo Química Arena em 2015, um 5 a 2 em São Januário (2017) e mais um 4 a 1 em Brasília, no estádio Mané Garrincha (2018).

Com apenas 37 pontos na tabela, o Vasco ainda pode somar mais seis. Segundo o site FiveThirtyEight, a equipe carioca tem 71% de riscos de queda e depende momentaneamente do Bahia, que possui 38 pontos e está uma posição acima.

Decidindo a temporada, o Vasco viaja à São Paulo onde enfrentará novamente o Corinthians. O jogo será realizado neste domingo (21), às 16h. Em caso de derrota para o Timão e o Bahia vencer o Fortaleza, matematicamente o clube terá seu quarto rebaixamento para a série B decretado.

VAVEL Logo