Cuca assume culpa pela derrota no clássico, mas garante
evolução até estreia na Libertadores
Foto: Reprodução/TV Galo

O Atlético-MG perdeu para o Cruzeiro, por 1 a 0, neste domingo (11), no Mineirão. O clássico foi válido pelo Campeonato Mineiro. No entanto, o Galo segue na liderança isolada da competição. Em entrevista após a partida, o técnico Cuca assumiu a culpa pelo resultado negativo.

Torcedor do Galo deve estar querendo entrar na TV pra me pegar. E com toda razão. Eu, no lugar, dele, também estaria p* (...) Por tudo que se criou na semana, no favoritismo, que não foi falado por nós, mas era explícito, pela imprensa, por todos, pelo investimento que temos. Se ninguém jogou bem, a culpa é do treinador” disse Cuca.

E completou: “A derrota é horrível, fica, mas iremos tirar lições disso. Temos coisas importantes. O Mineiro é importante, mas o Brasileiro, a Libertadores, são importantíssimas. Se tiver esse tipo de atitude que tivemos hoje, a comando meu, e o erro é meu, não iremos ganhar nada. A partir de um jogo igual esse, irei dirigir meu trabalho, em termos de cobrança, determinação. A culpa é minha e o culpado, a partir de amanhã, irá trabalhar ainda mais forte”.

Por fim, mesmo com o Atlético tendo mais posse de bola, 65%, o treinador admitiu que o Cruzeiro mereceu a vitória.

Se for julgar de maneira fria, por mais que você tenha 65% de posse de bola, adversário mereceu vencer. Foram eficazes dentro das poucas oportunidades que tivera, e fizeram o gol. Disputaram o jogo em intensidade muito grande. Porque é muito mais fácil destruir do que ter que construir. Usamos todas as características que tínhamos, para tentar buscar o empate” encerrou.

O Atlético-MG segue na liderança isolada do Campeonato Mineiro, com 21 pontos. O próximo compromisso do Galo é contra o Boa Esporte, no domingo (18). O duelo será no Mineirão, às 16h, e é válido pela 10ª rodada do Estadual.

VAVEL Logo