Unión La Calera e Santos ficam no empate e embolam grupo C da Sul-Americana
Foto: Divulgação / Santos FC

Unión La Calera e Santos, se enfrentaram nesta quinta-feira (28) no Estádio Sausalito, em Viña del Mar, no Chile, pela terceira rodada do Grupo C da Copa Sul-Americana. Líder do Campeonato Brasileiro, o Peixe desperdiçou a chance de ocupar a ponta de sua chave também no torneio continental.

A equipe santista até começou bem e abriu o placar com Bryan Angulo, mas, acabou cedendo o empate, e o Unión La Calera marcou com Valencia. Assim, a partida terminou empatada por 1 a 1. 

Muitos erros

A partida tinha ares de dar tudo certo para o Santos no Chile, quando nos minutos iniciais, o Peixe abriu o placar com Bryan Angulo. Porém, a equipe santista após seu gol, acaba fazendo um péssimo primeiro tempo.

A equipe comandada por Fabián Bustos acumulou muitos erros de passes e não conseguiu se aproveitar da fragilidade do adversário, a saída de bola da equipe alvinegra era lenta e o time não conseguia ser criativo. Além dos erros, algo que atrapalhou o Peixe no primeiro tempo foi os escorregões, os atletas do clube brasileiro não conseguiam parar em pé, Jhojan Julio chegou até perder ótimo oportunidade de gol por conta de um escorregão. 

Em contrapartida, o Unión La Calera, que estava em penúltimo colocado do Campeonato Chileno, conseguiu ficar mais tempo com a bola e conseguiu chegar ao empate com Valencia. O Peixe não conseguiu se reencontrar mais nesta primeira etapa e foi dominado pelos chilenos e, por mais que estavam melhores que o Santos na partida, a equipe mandante não era muito criativa e não oferecia tanto perigo ao gol de João Paulo.

Tudo igual e grupo embolado

No intervalo o técnico Fabián Bustos decidiu substituir o Ângelo, e a equipe acabou perdendo o pouco poder de criação que tinha e não conseguia levar perigo ao gol de seu adversário.

Já o Unión La Calera levou mais perigo na segunda etapa, porém, a os Rojos não finalizavam muito mal e, não conseguiram a virada. O Santos teve apenas duas oportunidades, uma com Madson, que parou em ótimo defesa de Arce, e a principal chance foi nos minutos finais, com Léo Baptistão, e novamente o arqueiro da equipe chilena fez ótima defesa.

De resto, o segundo tempo do Santos teve muita pouca criatividade, muitos erros de passes e, novamente, com muitos escorregões. No fim, a equipe Alvinegra ainda parecia satisfeita com o resultado, quando o comandante Bustos acabou terminado a partida com três volantes.

A igualdade no placar, deixa o grupo C embolado e, ao menos, o Santos ainda fica com chances de classificação dependendo de si mesmo. A decisão virá com o próximo jogo fora de casa e as últimas duas partidas na Vila Belmiro.

Como os times ficam?

O Unión La Calera se mantém na liderança do grupo C, com cinco pontos, enquanto o Santos fica em terceiro, com quatro pontos, empatado com o segundo colocado Universidad Católica-EQU. Na Sul-Americana, apenas o campeão de cada chave avança ao mata-mata.

Próximos jogos

O Santos volta a campo na próxima segunda-feira (2), para o clássico contra o São Paulo, às 20h (de Brasília), no Morumbi, pela quarta rodada do Brasileirão.

Já o Unión La Calera volta a campo só  pela Sul-Americana semana que vem, para enfrentar o Banfield, na quinta-feira (5), ás 21h30 (de Brasília). O Peixe joga no mesmo dia e horário, contra a Universidad Católica, em Quito.

VAVEL Logo