Guto dispara após vaias da torcida na Fonte Nova: ''Querem o lateral do Liverpool?''
Foto: Celo Gil/FBF

Na noite dessa quarta-feira (22), o Bahia perdeu para o Athletico Paranaense por 2 a 1 no primeiro duelo foi válido pelas oitavas de finais da Copa do Brasil. Após derrota, o técnico Guto Ferreira se mostrou satisfeito com a atuação da equipe mesmo diante do resultado negativo.

''Contra a Chape fomos mal? Tivemos um jogo estupendo, mas não conseguimos fazer o gol. O jogo de hoje fomos mal? Não. Tivemos alguns erros, mas não estamos fora da competição. Temos chances ainda. O placar que eles levam dá a vantagem, mas não a classificação. Temos que dar a vida e fazer muito mais do que fizemos. Precisamos fazer com que o advésario sinta a pressão da Fonte Nova, e não nós".

Durante a partida, os jogadores da equipe foram bastantes vaiados pelo torcedores presentes na Fonte Nova. Para Guto, esse tipo de atitude tem influência negativa na equipe.

''Uma situação lamentável onde através das vaias parte da torcida tira toda a tranquilidade do jogador que errou e de todo o grupo, pois o grupo sente pelo companheiro. Quem fez isso não veio torcer para o Bahia. Veio torcer para si próprio. Torcer para um time que está vencendo é muito fácil. Jogando de igual para igual saímos na frente. Erramos, mas não deixamos de lutar...''.

Borel, Rodallega e Matheus Bahia

“...Dizer que o Borel não fez boas jogadas, não jogou bem. Quem vamos trazer aqui? O lateral do Liverpool? Quem querem para o ataque? Os melhores do mundo? O que o torcedor quer? Porque se eles errarem vão ser criticados também”, completou.

O técnico ainda comentou sobre a situação de alguns jogadores. Entre eles, o atacante Rodallega, que desde quando voltou de lesão anda recebendo algumas críticas.

 “Teve uma lesão, vem em um progresso, se cobrando, é um cara maduro, ainda não fez gol na Série B. Já tem zum zum querendo vaiar. Sei que 70%, 80% da torcida está do nosso lado e peço que esses cubram quem não está do nosso lado. Se a equipe não estivesse correndo, se doando, eu seria o primeiro a aceitar as vaias”.

O treinador ainda destacou a situação do lateral Matheus Bahia, que segundo Guto está sendo preservado dos jogos em casa por conta da perseguição dos torcedores.

“O Matheus Bahia já está nessa condição, um jogador maduro. É só colocar ele dentro de casa que se errar traz a pressão para cima da equipe. Para pensar no melhor da equipe, estamos poupando, esperando passar essa fase para que amenize. Ele está treinando para caramba e a gente segurando''

Por fim, o técnico comentou sobre alguns possíveis erros da arbitragem na partida.

''Eu não gostaria de estar comentando. Não sou eu que estou puxando, dando desculpas. Acho o Bráulio excelente, já apitou nosso jogo contra o Sport, foi bem. Mas hoje acho que alguns lances ele acabou invertendo. Foi um pouco duro com a gente em alguns lances".

VAVEL Logo