Chapecoense demite Marcelo Cabo após derrota para o Vila Nova
Foto: Divulgação | Chapecoense

Marcelo Cabo não é mais o técnico da Chapecoense. Através de nota, o clube catarinense informou a saída do profissional na noite desta terça-feira (30), em reunião com o clube. A decisão partiu da diretoria, após a derrota de virada para o Vila Nova, por 2 a 1, pela Série B do Campeonato Brasileiro.

"A Associação Chapecoense de Futebol comunica, de maneira oficial, o desligamento do técnico Marcelo Cabo. O auxiliar técnico Gabriel Cabo e o preparador físico Tiago Melsert, que integram a comissão de Marcelo Cabo, também tiveram seus vínculos profissionais encerrados. A decisão aconteceu em comum acordo entre as partes".

"No comando técnico da Chapecoense, foram dez jogos, duas vitórias, cinco empates e três derrotas. Pelo período de trabalhos prestados ao clube, a Chapecoense agradece aos profissionais e deseja sucesso nos projetos futuros," conclui o comunicado da Chape.

Marcelo Cabo comandou o Verdão do Oeste em dez jogos, a quase dois meses, já que assumiu no mês de julho. Foram duas vitórias, cinco empates e três derrotas. Fez uma grande estreia, mas ao decorrer dessa caminhada, perdeu pontos importantes em disputas diretas contra o rebaixamento para a Série C.

Possíveis substitutos

Agora a Chape busca às pressas um novo treinador, nomes como de Gilmar Dal Pozzo e Mazola Júnior circulam como possibilidades, ambos os profissionais estão sem clube, desde que foram demitidos de seus respectivos clubes.

Dal Pozzo tem história com o time alviverde, pois conquistou o acesso da Série D até a A do Campeonato Brasileiro.

Neste momento, a Chape tem apenas dois pontos a mais que o CSA, time que abre a zona da degola, mas ainda existe a possibilidade do time catarinense perder colocações na tabela de classificação até o fim da rodada.

O time Alviverde já entra em campo no próximo sábado(3), contra a Ponte Preta, para mais um jogo importante para a permanência do clube na Série B.

VAVEL Logo