Chefe da RBR, Horner ressalta importância de Gasly para competir com Ferrari
Foto: Reprodução / F1

Chefe da RBR, Horner ressalta importância de Gasly para competir com Ferrari

Piloto francês da Red Bull vê aproximação de Carlos Sainz no campeonato

leo_silva997
Leonardo José

Único piloto das três principais equipes sem chegar a marca de 100 pontos em 2019, Pierre Gasly voltou a ser pressionado na Red Bull. Chefe da RBR, Christian Horner voltou a falar que precisa do piloto francês para poder competir com Mercedes e Ferrari no campeonato entre construtores.

Com 63 pontos conquistados nas 12 primeiras corridas, Gasly está 118 pontos atrás de seu companheiro Max Verstappen, que é o terceiro no mundial entre pilotos. Outra comparação: Gasly ainda não subiu ao pódio, e Max já soma cinco pódios.

Essa grande diferença entre o francês e o holandês compromete a briga da RBR (244 pontos), frente Ferrari (288 pontos) e Mercedes (438 pontos).

Gasly ficou 0s878 atrás do pole Verstappen no qualifying húngaro e chegou apenas em sexto no GP da Hungria — atrás até de Carlos Sainz.

+ Verstappen e Hamilton destacam uso de pneus no GP da Hungria; Vettel pensa nas férias

Além da comparação com o parceiro Verstappen, Pierre Gasly vê Sainz, da McLaren, se aproximar no campeonato, que, agora, tem só cinco pontos atrás. Christian Horner pressionou seu segundo piloto, dizendo que ele precisa ser bom o suficiente para estar bem à frente de Sainz e de outros pilotos do pelotão intermediário.

"Tem sido um final de semana frustrante para Pierre. A largada não foi ótima, a primeira volta não foi ótima e não devemos estar competindo com Sauber (Alfa Romeo) e McLaren. Precisamos que ele corra contra Ferrari e Mercedes. Tudo o que podemos fazer para ajudá-lo a conseguir isso é o que faremos."

"É vital para nós, se tivermos alguma chance de pegar a Ferrari, que o façamos mais à frente."

A Fórmula 1 faz sua tradicional pausa e retorna no dia 1 de setembro, para o GP da Bélgica, no Circuito de Spa-Francorchamps. Em seguida, dia 8, é a vez do tradicional GP da Itália, em Monza.

VAVEL Logo