Harris supera longo jogo contra Shapovalov em Dubai e vai à maior final da carreira
Foto: Divulgação/Dubai Tennis Championships

Algoz de Dominic Thiem e Kei Nishikori, o qualifier #81 Lloyd Harris fez mais uma vítima nesta sexta-feira (19) e se garantiu na decisão do ATP 500 de Dubai. O sul-africano derrubou o #12 Denis Shapovalov, de virada, parciais de 6/7(5), 6/4 e 7/6(8), em 2h38.

Somando as partidas do qualifying, Harris já soma sete vitórias em Dubai. O sul-africano somou 12 aces contra Shapovalov e só foi quebrado uma vez, enquanto o canadense teve duas quebras de saque, todas elas no segundo set.

No primeiro e terceiro, que foram para o tiebreak, nem sequer break points foram oportunizados. A decisão foi muito no detalhe. Shapovalov não conseguiu controlar-se nos ralis em alguns momentos, e isso acabou sendo decisivo. O canadense chegou a salvar um match point no game desempate do set final, mas, com um erro de backhand no segundo que enfrentou, viu Harris sair com a vitória.

A decisão em Dubai será a segunda decisão de Harris em nível ATP, a primeira da série ATP 500. Em sua primeira final, ele acabou derrotado por Rublev em Adelaide 2020. A campanha leva o sul-africano de 24 anos, ao menos, para a posição #52 do ranking. Caso ele seja campeão, vai estar entre os 50 melhores do mundo. Sua melhor marca anterior era o 72º posto.

Na decisão do Dubai Tennis Championships, Harris encara um debutante em finais de nível ATP, o #42 Aslan Karatsev. Semifinalista do Australian Open 2021, o russo bateu nas semifinais seu compatriota #8 Andrey Rublev, que vinha de quatro títulos seguidos em torneios da série ATP 500.

VAVEL Logo