Após construir vantagem em casa, Real Madrid visita Sevilla por lugar nas quartas da Copa do Rei

Será com times um pouco desfigurados que Sevilla e Real Madrid duelarão nesta quinta-feira (12), a partir das 18h15 (de Brasília) no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Rei da Espanha. Devido ao placar de 3 a 0 a favor dos merengues na ida, nomes como N'Zonzi, Vázquez, Mariano, Cristiano Ronaldo e Modric sequer estão na lista de relacionados dos técnicos Jorge Sampaoli e Zinedine Zidane.

Para garantirem um lugar entre os oito melhores do torneio eliminatório, os mandantes precisam vencer por quatro gols de diferença no tempo normal. Em caso de 3 a 0, a vaga é decidida nos pênaltis. O atual campeão do mundo pode até perder por dois gols, ou inclusive por três, caso vá às redes ao menos uma vez.

O duelo pela Copa, aliás, tem data marcada para acontecer pela terceira oportunidade em 2017. Pela liga, os dois voltam a medir forças na Andaluzia, às 17h45 de domingo (15), pela 18ª rodada do campeonato de pontos corridos, do qual os blancos são líderes e a equipe de Nervión vem logo atrás.

Em duelos realizados na terça e quarta-feira, Atlético de Madrid, Barcelona, Alavés, Real Sociedad e Alcorcón se asseguraram no sorteio que definirá os embates das quartas de final. Nesta quinta, o Eibar defende grande vantagem contra o Osasuna e o Celta também só precisa carimbar a classificação conquistada sobre o Valencia.

Sem nomes importantes, Sevilla pode ter um estreante: Jovetic

Jorge Sampaoli sabe que conseguir a remontada é uma tarefa extremamente árdua. Sabe também que o Sevilla luta de igual para igual com o próprio Real Madrid e com o Barcelona pelo título do Campeonato Espanhol na atual temporada. Tendo um novo e mais importante duelo diante dos comandados de Zidane no próximo domingo, o treinador argentino deve escalar uma equipe alternativa pela Copa.

Na entrevista coletiva pré-jogo, o comandante não escondeu a preferência rojiblanca. ''Estamos muito presentes na luta pelo título e vamos lutar pela liga. É muito importante a partida de domingo, porque pode nos aproximar do líder'', disse Sampaoli, já de olho no compromisso seguinte. Prova da importância entregue ao confronto do fim de semana é a lista de relacionados para o jogo do torneio de mata-mata: N'Zonzi, Mariano e Vázquez ficam de fora.

Ganso ao lado de Jovetic na primeira semana do montegrenino na Espanha (Foto: Divulgação/Sevilla)

Se poupa três dos mais influentes jogadores, o comandante pode promover a estreia de um recém-chegado. Apresentado ainda nesta semana, Stevan Jovetic consta entre os possíveis titulares. Sobre a área de atuação do ex-atacante da Inter de Milão, Sampaoli analisou: ''Não o vejo caído pelos lados, e sim como atacante isolado ou segundo atacante, como já atuou em outros clubes''.

Além do montenegrino, o jovem defensor francês Clément Lenglet, de 21 anos, foi contratado na janela ainda aberta do Nancy, da França. Pela primeira vez, ele deve ser titular do Sevilla. De acordo com Sampaoli, o garoto possibilita que a equipe jogue ''confortavelmente com três zagueiros''.

A provável escalação sevillista tem Sergio Rico; Lenglet, Rami, Mercado e Escudero; Kranevitter, Iborra, Nasri, Ganso e Vitolo; Ben Yedder (Vietto).

Zidane discursa com cautela e poupa CR7 outra vez

Cristiano Ronaldo fechará dois anos sem jogar uma partida de Copa do Rei. Sim. O português, recém eleito melhor jogador do mundo pela Fifa, que já havia sido poupado no jogo de ida, ficou de fora da lista de relacionados mais uma vez e não viajou com a delegação merengue. Em 15 de janeiro de 2015, ele esteve em campo na eliminação do Real para o Atlético, e em 2016 não figurou na equipe que venceu o Cádiz, mas acabou eliminada pela escalação irregular de Cheryshev.

Ao camisa 7 se juntam Luka Modric, que também descansará, além de Isco, James Rodríguez e Bale. O técnico Zidane pode dar minutos a Asensio, Mariano e também a seu filho Enzo. Na escalação titular, há possibilidade de figurarem nomes como Kiko Casilla, Coentrão, Danilo, Kovacic e Morata.

Zidane no treino pré-viagem a Sevilla (Foto: Divulgação/Real Madrid)
Zidane no treino pré-viagem a Sevilla (Foto: Divulgação/Real Madrid)

No pronunciamento da véspera do embarque rumo a Andaluzia, o ex-craque francês falou a respeito da confortável situação na eliminatória. ''Sabemos que é outro jogo. É a volta, será complicado. O Sevilla vai querer ganhar a partida, e esperamos um duelo difícil, mas estamos preparados. Vamos sofrer'', disse.

O Real deve atuar com Casilla; Carvajal, Sergio Ramos, Nacho e Coentrão (Marcelo); Casemiro, Kroos (Asensio) e Kovacic; Lucas Vázquez, Morata (Benzema) e Mariano.

VAVEL Logo