Com gol de Lautaro, Argentina derrota Peru e segue invicta nas Eliminatórias
Foto: Reprodução/Conmebol

A Seleção da Argentina segue fazendo vítimas nas Eliminatórias para o Copa do Mundo 2022. Invicta no torneio, a equipe liderada por Lionel Messi venceu mais um jogo, dessa vez diante do Peru, com placar de 1 a 0.

O único gol da partida foi marcado por Lautaro Martinez. Aos 42 minutos do primeiro tempo, De Paul e Lo Celso tabelaram na ponta direita e o lateral cruzou na pequena área. O atacante argentino se livrou da marcação adversária e cabeceou pro fundo da meta do goleiro Gallese.

O ponto isolado dos argentinos no marcador foi resultado de um jogo em que os mesmos dominaram a posse de bola, com 67%, mas tiveram dificuldades para finalizar de modo certeiro. No total, os chutes a gol ficaram em 7 a 5 para os vencedores, mas os que chegaram até o objetivo trouxeram vantagem peruana em 3 a 2.

Esse cenário se deveu muito à forte defesa aplicada pela seleção peruana, congestionando a entrada da sua área, e dificultando o trabalho dos "hermanos". Lionel Messi foi um dos argentinos com maior dificuldade, apesar de ter conseguido alguns passes infiltrados para Di Maria pela ponta esquerda. As faltas aplicadas pelos adversários também pararam muitas vezes as investidas do jogador do PSG, que foram 20 no total.

A vitória do time albiceleste chegou, inclusive, a ser ameaçada, pois o Peru teve um pênalti a seu favor. O goleiro Emiliano Martínez derrubou Farfán na grande área e a penalidade foi marcada. Para a sorte dos argentinos, Yotún carimbou o travessão ao executar a cobrança.

Mesmo com o susto, a Argentina prevaleceu no final por ter controlado bem o jogo e não ter sofrido muitas investidas dos oponentes. Duas aparições rápidas de Lapadula no contra ataque e Farfán, que entrou em seu lugar no início do segundo tempo, no lance da penalidade foram as maiores chances dos peruanos, mas não levaram muito perigo.

Sequência

A seleção argentina chega então a 25 pontos nas Eliminatórias após o triunfo desta quinta (14). A sua posição é de segunda colocada no torneio, seis pontos atrás do Brasil.

VAVEL Logo