"Tomar gol sempre dói", lamenta técnico Tommy Stroot após Wolfsburg ceder empate
Foto: Divulgação / Wolfsburg 

O Wolfsburg quase iria saindo de campo com a vitória em pleno Emirates Stadium, mas nos acréscimos levou o empate do Arsenal e com isso deixando o confronto em aberto na partida de ida das quartas de finais da Champions League Feminina de 2022. Os gols da partida foram marcados por Wabmuth para os Wolfe's, Wubben-Moy marcou para os Gunners.

Após o jogo, o técnico Tommy Stroot lamentou o resultado e disse que o Arsenal mereceu empatar já que o time de Londres teve várias chances. Ele ainda destacou que o gol poderia sair a qualquer momento.

"Um gol sempre dói, é claro. No entanto, o Arsenal teve boas chances, então o gol poderia ter saído em outro momento. No geral, o resultado reflete o rumo do jogo. Foi o jogo árduo para o qual nos preparamos", lamentou o técnico.

Na mesma entrevista Stroot ainda relembra que o confronto não é resolvido nos primeiros 90 minutos. Ele ainda destaca que o time terá uma semana de descanso e que vai preparar as jogadoras para o duelo decisivo em casa.

"Ao nível que aqui se encontra, ficou claro que seria próximo e o progresso não seria decidido em uma partida. Assim, no intervalo, estamos agora com uma semana de diferença e nos encontraremos novamente na próxima semana",  afirmou o treinador.

A atacante Tabea Wassmuth também lamentou o gol de empate no fim da partida, para ela o time teve chances de ampliar a vantagem e ficar com uma situação mais tranquila no jogo de volta. A jogadora ainda avisou que a equipe estará pronta para o confronto na Alemanha.

"Estamos decepcionadas porque tivemos chances de fazer o 2 a 0. Mas temos a segunda mão para jogar em casa e estaremos prontos para isso", avisa a atacante alemã.

O confronto decisivo de volta do Wolfsburg contra o Arsenal que vale vaga na semifinal da Champions Feminina de 2022 acontecerá no próximo dia 31 de março na Volkswagen Arena.

VAVEL Logo