Alisson decide, Grêmio vence Goiás e crava classificação nas quartas da Copa do Brasil

Tricolor avança de fase após placar largo no agregado; Goiás deixa competição e tem foco no Brasileirão série B

Alisson decide, Grêmio vence Goiás e crava classificação nas quartas da Copa do Brasil
(Foto: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA)
Grêmio
3 1
Goiás
Grêmio: Paulo Victor; Madson, Bressan, Michel e Marcelo Oliveira; Jaílson; Maicosuel (Pepê, min. 65), Cícero, Lima (Thaciano, min. 72) e Alisson; Thonny Anderson (Vico, mim. 84).
Goiás : Marcelo Rangel; André Krobel, David Duarte, Edcarlos (Eduardo, min. 65) e Jefferson; Gilberto Júnior; Carlos Eduardo, Samuel (Michael Delgado, min. 46) Tiago Luís (Rafinha, min. 76) e Maranhão; Jacó
Placar: 1-0, min. 14, Alisson. 1-1, min. 55, Maranhão. 2-1, min. 76, Thaciano. 3-1, min. 90, Alisson.
ÁRBITRO: Igor Junio Benevenuto. Cartões amarelos: Deivid Duarte (min. 29), Tiago Luis (min. 34), Gilberto Junior (min. 57), Jaco (min. 52), Rafinha (min. 86).
INCIDENCIAS: Partida válida pelas quartas de finais da Copa do Brasil, no jogo de volta, entre Grêmio e Goiás, na Arena do Grêmio. Cerca de 13.517 torcedores presentes.

O Grêmio recebeu o Goiás em casa, na Arena do Grêmio, pelo jogo da volta válido pela Copa do Brasil. No primeiro jogo, o Grêmio tinha a vantagem de 2 a 0 e no agregado isso se estendeu, pois venceu na noite desta quarta-feira (9) por 3 a 1 com gols de Alisson (2), Thaciano; Maranhão. Com o resultado, o time gaúcho conseguiu avançar às quartas de final. 

A partida iniciou-se tranquila para ambos os lados, Goiás criou oportunidades que foram interceptadas pela zaga do Grêmio, até que a primeira oportunidade surgiu quando Carlos Eduardo recebeu bola na área, limpou a jogada e mandou uma bomba no gol, na qual Paulo Victor fez uma grande defesa. No rebote, Samuel não finalizou bem e acabou isolando a bola. Como resposta, o Grêmio aos 13 minutos abriu o placar quando Alisson recebeu bola de Cícero na área e bateu cruzado após limpar a jogada. 

Depois do gol, o Goiás demonstrou um pouco de desespero no restante da primeira etapa. Grêmio aproveitou bolas na área para tentar ampliar o placar, e quase conseguiu aos 20 minutos, quando Maicosuel achou Thonny Anderson após contra-ataque, que finalizou com perigo e o goleiro Rangel espalmou. A dificuldade do time visitante era nítida, pois segurar a bola na área era praticamente impossível. No fim, um lance incrível quando o Grêmio chegou pela direita com Maicosuel, que finalizou de primeira mas Rangel fez grande defesa, que no rebote, Lima chutou e Edcarlos salvou em cima da linha com as costas, enquanto estava caído. 

No segundo tempo o Grêmio logo nos primeiros segundos trabalhou com uma enfiada de bola para Madson, que bateu cruzado e quase marcou, oferecendo um perigo gigantesco para o Goiás que ainda estava desestabilizado, mas que voltou tranquilo para o segundo tempo. Em resposta, Michael estava com bola na entrada na área e teve oportunidade, quando mandou um bom e forte chute para defesa boa de Paulo Victor. O Goiás marcou com gol excepcional de Maranhão. Depois dele receber bola de Jefferson, ele dominou de calcanhar e na entrada da área bateu de primeira. 

Aos 30 minutos do segundo tempo, o Grêmio ampliou o placar depois de Thaciano receber excelente passe de Alisson, que mandou chute cruzado ao gol e marcou. Apesar do time do Grêmio ter entrado com um ritmo mais lento, o elenco alternativo conseguiu cravar uma vitória larga sobre o Goiás, que não teve a bola no pé em nenhum momento após sofrer o segundo gol. Cartões amarelos foram distribuídos por conta das faltas, mas isso foi apenas um fator para o time do Grêmio sacramentar a vitória. Aos 45 do segundo tempo, Alisson marcou mais uma vez depois de se infiltrar dentro da área com facilidade e rebateu na saída de bola do goleiro Marcelo, marcando 3 a 1. 

Próximo jogo do Grêmio é contra o Internacional, no próximo sábado (12) pelo Campeonato Brasileiro, às 16h, na Arena do Grêmio; o Goiás enfrenta o Fortaleza também pelo Campeonato Brasileiro, mas da série B, no sábado (12), às 19h, no Estádio Castelão