Digão marca, Rodolfo pega pênalti e Fluminense bate Botafogo no Maracanã
(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

Digão marca, Rodolfo pega pênalti e Fluminense bate Botafogo no Maracanã

Apesar de oportunidades, alvinegro não consegue empate; tricolor é eficiente e consegue garantir vitória no clássico

ariannalacerda
Arianna Lacerda
Fluminense Júlio César (Rodolfo); Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Jadson, Dodi e Luciano (Marcos Júnior); Everaldo (Matheus Alessandro) e Kayke.
Botafogo Saulo; Marcinho (Luis Ricardo), Marcelo Benevenuto, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, Gustavo, Matheus Fernandes (Rodrigo Pimpão) e Luiz Fernando (Brenner) ; Erik e Kieza.
Placar1-0, min. 12, Digão.
ÁRBITROLeandro Pedro Vuaden (RS). Cartões amarelos: Marcelo Benevenuto, Marcinho, Moisés e Erik (BOT); Luciano, Digão e Ayrton Lucas (FLU).
INCIDENCIASPartida válida pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro série A, entre Fluminense e Botafogo no Maracanã.

Na tarde desde domingo (9) foi dia de clássico Vovô no Maracanã. Fluminense e Botafogo se enfrentaram pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, na qual o mandante venceu por 1 a 0 com gol de Digão, aos 12 minutos do primeiro tempo. 

Com a vitória, o tricolor chegou aos 31 pontos e respira na tabela, ocupando a oitava colocação. Já o alvinegro vive momento tenso próximo a zona de rebaixamento, com 26 pontos na 15ª posição. 

O primeiro tempo início bem tranquilo entre as equipes, com o Fluminense tendo a primeira oportunidade na partida, pois Dodi cruzou na área para Kayke mas o atacante perdeu o tempo de bola. Botafogo teve muitas dificuldades na hora da troca de passes, sendo prejudicado até mesmo em um escanteio no qual o tricolor não perdeu a oportunidade e abriu o placar aos 12 minutos, com Digão aproveitando sobra de Everaldo que tentou chutar de bicicleta. 

Lance que originou o gol de Digão, pelo Fluminense. (Foto: Lucas Mançur/Fluminense FC)
Lance que originou o gol de Digão, pelo Fluminense. (Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

O goleiro Júlio César começou a sentir dores nas costas durante a partida, mas mesmo assim ele se manteve no jogo. Algumas faltas foram cometidas, cerca de 11 até a metade do primeiro tempo, número comum para o clássico. Botafogo chegou bem ao ataque e Lindoso se lançou na área, mas Digão foi rápido e interceptou a jogada. 

Jogo ficou mais intenso no final, principalmente quando Rodrigo Lindoso tentou mandar uma bomba de fora da área mas Júlio César foi preciso para espalmar pra fora. No escanteio, bola sobrou na área e Kieza cabeceou no gol, mas foi em cima do goleiro tricolor que ficou sentindo no chão. Após tentativa, Fluminense tentou encaixar contra-ataques mas sem sucesso, finalizando o primeiro tempo em 1 a 0. 

A segunda etapa iniciou-se com um grande nervosismo da parte do Botafogo, que estava afobado na vontade de empatar o jogo, mas Jadson do Fluminense teve a primeira chance quando chutou bola no gol após cruzamento mas ao fazendo com que Saulo defendesse sem dificuldades. No rebote, Léo tem oportunidade ao trabalhar com Kayke mas Marcelo atrapalhou e mais uma vez bola sobrou com o goleiro alvinegro. 

Botafogo começou a dar trabalho ao Fluminense, mas não conseguiu marcar. Erik recebeu bola perigosa na área e o atacante cortou e bateu, mas ela desviou e o alvinegro não teve êxito. Aos 39 minutos, o árbitro marcou pênalti para o Botafogo e em cobrança, Lindoso partiu pra bola mas Rodolfo, que substituiu Júlio César, saiu acertando o canto e defendeu. Jogo continuou com movimentação tranquila, mas sem oportunidade para ambos, terminando em 1 a 0 para o Fluminense. 

A próxima partida do Fluminense é domingo (16), às 16h, contra o Atlético-PR na Arena da Baixada pelo Campeonato Brasileiro. Já o Botafogo enfrenta o América-MG no mesmo dia, mas às 11h da manhã, no Nilton Santos

VAVEL Logo

    Fluminense FC Notícias

    há 21 horas
    há um dia
    há um dia
    há 4 dias
    há 4 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias
    há 5 dias