Valentim quer manter boa fase do Vasco: "Estão trabalhando o mais forte possível"
Alberto Valentim em coletiva (Foto: Rafael Ribeiro)

Valentim quer manter boa fase do Vasco: "Estão trabalhando o mais forte possível"

Treinador ainda fala sobre dúvida na escalação do time, com a volta de Galhardo, e de como os jogadores estão se esforçando para manter bom momento

agnesrigas
Agnes Rigas

O Vasco está pronto para o seu compromisso contra o Boa Vista neste sábado (02), às 16h30, pela Taça Rio. Com isso, o técnico Alberto Valentim concedeu uma coletiva de impressa para falar sobre o bom momento do time, e como a equipe vem se preparando.

Atual campeão da Taça Guanabara, Valentim falou sobre o bom momento do Gigante da Colina, disse que o bom aproveitamento só vem acontecendo pelo forte trabalho de treinamento em que os atletas estão sendo expostos. Ainda disse que ele se mantém sempre alerta sobre as sequência de jogos para que os jogadores não sejam expostos a uma rotina muito pesada.

"Os jogadores, desde o primeiro dia, estão trabalhando o mais forte possível. Estou sempre muito atento também numa sequência de jogos, parte física. Às vezes até tiro de um treinamento já programado, porque treinam muito forte", contou.

O comandante ainda falou sobre a ausência de Maxi López nos treinamentos e sobre a dúvida de ter o jogador na partida de sábado. O camisa 9 sofreu com enjoos e de sinusite e foi poupado das atividades do clube. Então, falou quem poderá ser o substituto para ficar no comando do ataque.

"Ele teve um problema intestinal. Alguma coisa que o fez mal. Eu sempre conto com o jogador até o último minuto. Hoje, Ribamar é um jogador que coloco quando o Maxi não joga. Muito importante para a gente. Muito bom jogador. De uma qualidade técnica muito boa. E são jogadores que vão brigar pela posição. Tenho o Marrony, que pode jogar de 9 também", declarou.

Um dos tópicos importantes da coletiva foi a volta do Thiago Galhardo aos treinamentos. Após se recuperar de um edema muscular, o meia volta a estar a disposição de Valentim que terá que tomar a difícil decisão de optar por ele ou por Bruno César, que teve crescimento em seu rendimento considerável.

"Eu falei que quando tivesse dois jogadores bons seria uma dor de cabeça boa. E isso é muito bom. O Bruno está ganhando ritmo de jogo, o Thiago está muito bem, terminou o ano muito bem. Está dando um salto de qualidade na carreira. Quem ganha com isso é o Vasco. Depois, eu vou, dentro daquilo que quero e vendo a formação do adversário, montar esses 11. Temos de lembrar que às vezes no Brasil os jogos são decididos também por quem entra no decorrer do jogo", comentou o treinador.

Vivendo um bom momento no Carioca e na Copa do Brasil, Valentim comemora o bom trabalho que vem sendo feito por sua equipe e disse que valoriza todos os jogadores que vêm se esforçando para mostrar seu valor dentro de campo. 

"Trabalho para que todos efetuem aquilo que queremos. Independentemente de quem joga, quem não joga e quem não vai para o banco. Até quem não vai para o banco tem que estar preparado. Por isso, a forma em que a gente treina é que todos estejam prontos", finalizou.

 

VAVEL Logo