Alexandre Campello fala em modernização do Vasco sem fugir da política de austeridade

Embalado pela hastag #VemMaisPorAí, presidente revela planos para o Gigante da Colina

Alexandre Campello fala em modernização do Vasco sem fugir da política de austeridade
(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

Prioridades. Essa foi uma palavra bastante usada pelo presidente Alexandre Campello na coletiva de apresentação dos reforços Vinícius Araújo e Leandro Castan. Com a ideia de reconstruir o Vasco, o presidente lançou a #VemMaisPorAí, que está nos assuntos mais comentados do Twitter, para trazer o apoio da torcida nesse momento revolucionário para o Gigante da Colina.

"Lançamos a #VemMaisPorAí e vai continuar vindo. Temos que pensar no equilíbrio financeiro, na modernização de São Januário, comprar um CT para o Vasco... Ainda temos muito para fazer nesses dois anos e meio que restam na nossa gestão. Vamos continuar atentos ao mercado, sempre respeitando a política de austeridade. Não tem mais espaço para loucura. Queremos modernizar o clube, com uma gestão mais austera", disse Campello em coletiva.

A questão de aproximar mais os torcedores ao clube

O aumento do sócio-torcedor, é um dos principais programas que estão ajudando o Vasco na melhora de sua condição financeira. Mas além, da satisfação de quase ter dobrado o número de sócios em somente dois dias, a questão da democratização dentro do clube ainda gera muitos problemas pela antiga gestão que comandava o clube.

"A nossa ideia é trazer esses vascaínos de volta e redemocratizar o Vasco, incluindo as eleições. O sócio torcedor vem respondendo bem. Eu brinco falando em chegar aos 50 mil, que podemos trazer mais gente. Nós chegamos aqui e tinhamos 7 mil sócios, e agora mais do que dobramos isso. Temos mais de 15 mil. Esperamos que isso siga assim. Nós temos apresentado avanços em diversos setores", declarou o presidente.

Planos para um novo CT

O Vasco vem alternando sua rotina de treinos em São Januário e no CT de Vargem Pequena. Com isso, o clube vem tentando achar um terreno para construir seu próprio centro de treinamento. A diretoria já entrou em contato com o prefeito do Rio Marcelo Crivella, que protocolou um terreno para o o Vasco possa dar início ao seu projeto.

"Estivemos com o Prefeito Crivella, juntamente com o Vereador Alexandre Izquierdo, e ele se mostrou bastante sensível às ambições do Vasco. A ideia é o mesmo terreno que tinha sido cedido. Os terrenos para Vasco e Botafogo, não foram utilizados dentro do tempo, e o Botafogo não tem mais interesse no terreno, então estamos negociando todo o espaço para o Vasco. A ideia é construir um CT integrado base e profissional. Isso facilita bastante. Queremos a base sempre próximo ao profissional, uma integração que gera uma experiência mais rápida e facilita a observação para a base".

São januário mais moderno

Um das grandes prioridades de Alexandre no comando do Vasco é a modernização do estádio São Januário. É nítido que a casa do clube cruz-maltina precisa de vários reparos.

"Estamos paralelamente em contato com a prefeitura de fazer uma melhoria no entorno de São Januário. Temos que pensar em prioridades. A modernização não inclui só o estádio. Precisamos de um projeto melhor para toda a sede. Para isso, precisamos melhorar o entorno. Estamos pensando em um grande projeto de modernização do estádio, da sede, do museu, do parque aquático, igreja, tudo", finalizou o presidente.