Com emoção nos minutos finais, Coritiba quebra jejum e bate remendado Vasco 
Foto: Mowa Press/Matheus Sebenello

Coritiba venceu o Vasco da Gama por 1 a 0 neste domingo (20) em jogo válido pela 11ª rodada do Brasileirão 2020. A bola rolou no estádio Couto Pereira, em um jogo com pouca emoção até os minutos finais quando o VAR entrou em ação e assinalou um pênalti de Yago Pikachu em Robson. Fernando Miguel se adiantou na defesa da penalidade cobrada por Sabino, e na segunda cobrança, Robson convertei para o Coxa dando a vitória por 1 a 0 ao alviverde. 

O Coritiba vinha de dois empates e duas derrotas nas últimas quatro rodadas, figurando na zona de rebaixamento da competição. Portanto, encarava o confronto em casa como uma possibilidade de recuperação no  campeonato e consequentemente se afastar da zona da degola. 

Já o Vasco da Gama que vivia bom momento na competição, optou por utilizar uma equipe mesclada, visando o confronto da Copa do Brasil contra o rival Botafogo no meio de semana e deixa escapar a chance de assumir a vice liderança da competição. 

Estratégias 

Precisando por fim a sequência negativa da equipe, Jorginho promoveu alterações no sistema defensivo, deixando-a mais leve com as saídas de Jonathan e Rodolfo, e optando por um 4-5-1 com o Robson de homem centralizado. Natanael, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus formaram a linha de quatro defensiva, Hugo Moura, Matheus Bueno, Sarrafiore e Giovanni Augusto foram os responsáveis pelo meio de campo, enquanto o Robson tomava a iniciativa pelas jogadas ofensivas. 

Já o auxiliar técnico Thiago Kosloski buscava equilibrar a tentativa de se manter no G-4 com o jogo do meio de semana contra o Botafogo pela Copa do Brasil, e por isso foi a campo com uma equipe mesclada em um 4-3-3 com Fernando Miguel no gol, Yago Pikachu, Miranda, Marcelo Alves e Neto Borges na linha defensiva, Bruno Gomes, Marcos Júnior e Bruno César no meio de campo e Thales Magno, Guilherme Catatau e Cano nas jogadas de ataque. 

Após péssimo primeiro tempo, VAR dá emoção ao jogo nos minutos finais 

A primeira etapa começou com o time anfitrião tentando se impor. Essa estratégia prevaleceu por todo o primeiro tempo, possibilitando ao Coxa o domínio da posse de bola no primeiro tempo, porém, essa posse não se transformava em jogadas ofensivas concretas, deixando o jogo morno para ambas as equipes. 

O segundo tempo não começou diferente do primeiro, mas as equipes passaram a chegar mais ao gol e ficou para os goleiros o brilho do jogo. Cano teve duas oportunidades, mas parou em Wilson. O Vasco cresceu no jogo e criou as melhores oportunidades. 

   

 

Vendo a possibilidade de sair com os três pontos, o auxiliar Thiago Kosloski passou a colocar em campo os jogadores poupados para o jogo de quarta-feira. Entraram Fellipe Bastos e  Ribamar ampliando o domínio da equipe Cruzmaltina até que em um contra-ataque, Pikachu em lance infantil puxou Robson na área, aos 38 do segundo tempo. Depois da recomendação da cabine de vídeo, o árbitro Luiz Flávio de Oliveira marcou a penalidade para o Coritiba. 

Sabino realizou a cobrança de cavadinha e após leve toque de Fernando Miguel, a bola foi no travessão. Depois da checagem do lance, a arbitragem notou o adiantamento de Fernando Miguel na cobrança e a penalidade precisou ser cobrada novamente. 

Dessa vez foi para a cobrança o atacante Robson, que bateu bem e sacramentou a vitória por 1 a 0 no Couto Pereira. Ainda teve tempo pra mais polêmica em campo, os jogadores do Vasco reclamaram um pênalti nos minutos finais, mas após verificação nada foi marcado, encerrando o confronto entre as equipes. 

Classificação e próximos compromissos 

Com a segunda vitória no Brasileirão, o Coritiba chega a 11 pontos e é o 16º colocado no momento, ficando fora do Z-4. O time pode voltar a zona de rebaixamento caso o Botafogo vença o Santos em jogo desta noite (20). 

Já o Vasco perde a oportunidade de assumir a vice liderança e ocupa no momento a quinta colocação, com 17 pontos. O Peixe, que tem 15 pontos na competição, pode passar o Cruz-maltino até o término dessa rodada. 

O Coritiba volta a atuar pelo Brasileirão apenas na segunda-feira (28) diante do Fluminense, às 20h, no Maracanã.

Já o Vasco enfrenta na quarta-feira (23) do Botafogo no jogo de volta na quarta fase da Copa do Brasil, às 21h30 - o Fogão venceu a ida por 1 a 0. Pela Série A, o Cruz-maltino recebe o Red Bull Bragantino no domingo (27), às 11h

VAVEL Logo