Cuca comemora vitória sobre Coritiba e lamenta saída de Soteldo: "Muito triste em perdê-lo"
Foto: Ivan Storti/Santos FC

Após boa vitória sobre o Coritiba, Kaio Jorge e Diego Pituca falaram sobre suas situações no clube e próximo jogo, pela Libertadores. Além do técnico Cuca ter dado entrevista coletiva.

Kaio Jorge foi entrevistado ainda no intervalo do primeiro tempo, e falou sobre a saída de Soteldo.

“Feliz pelo gol. Não sei se Soteldo está sendo vendido, deixo para a diretoria, mas se for vai fazer falta”.

Após término da partida, Pituca falou sobre a situação na Libertadores e próximos jogos.

“Fico feliz pelos 35 jogos, me cuido bastante. Vitória importante, a gente veio de derrota em casa, bom para subir no campeonato. Sobre a Libertadores é comemorar a vitória e descansar para mais uma batalha. A gente quer jogar todos os jogos, enquanto o corpo aguentar estarei aqui para ajudar o Santos”, afirmou o jogador após a vitória.

Na entrevista coletiva, o técnico Cuca citou experiência ganha nos garotos subidos da base.

“Dá uma alegria muito grande ver isso, ver essa experiência ganha. Não sei até qual lugar chegaremos, mas sei que está muito gostoso trabalhar com eles. Entregam tudo que podem. É a coisa mais salutar para o treinador. Falta uma coisa ou outra às vezes, mas entrega é exemplar”, iniciou o treinador santista.

O técnico falou, também, sobre contratações e seguiu ressaltando os garotos chegados recentemente ao profissional.

“Eu, quando vim para o Santos, sabia que eu trabalharia com o que eu tenho. Não me queixo. Não queria perder jogadores, perdemos diversos por diferentes questões. Vou trabalhar com os meninos, inflando de confiança e força para tirarmos o máximo de cada um”.

Outro ponto importante citado por Cuca foi a saída de Soteldo do alvinegro praiano.

“Fico muito triste em perder o Soteldo. Gosto muito dele como pessoa e como jogador nem se fala. Mas temos que entender. Nosso momento é delicado, precisamos de condição financeira para colocar salário em dia e pagar dívidas lá fora. O Santos é uma potência, a gente fica triste. O torcedor fica ‘p. da vida’ com a saída do Soteldo. Tínhamos que vender alguém. Não adianta ficar bravo com o presidente. Ninguém fica mais triste do que eu. Ele é peça importantíssima na nossa engrenagem. Mas vida que segue”, afirmou o técnico.

Além das falas sobre o elenco, Cuca elogiou a partida de seu time e do time adversário, o Coritiba, quando perguntado sobre oscilação de seu elenco.

“Não é que cai de produção. O adversário se impõe em casa, é um momento bom. Jogando bem. O Coritiba melhorou muito, com saída de bola interessante. Nós, dentro da nossa proposta, fizemos grande jogo. Tivemos menos finalizações, uma das poucas vezes, mas fomos mais precisos. Contra o Atlético-GO, tivemos dez ou 12 e não fizemos gol. Hoje, tivemos sete ou oito e fizemos os gols que nos levaram à vitória”, respondeu Cuca.

A próxima partida do Peixe será contra o Defensa y Justicia, nesta terça-feira (20), na Vila Belmiro, pela Libertadores da América, às 19h15.

VAVEL Logo