Para quebrar sequência negativa e encostar no G-8, Santos recebe Coritiba
Foto: Ivan Storti/Santos FC

Neste sábado (13), o Santos recebe o desesperado Coritiba, na Vila Belmiro, às 19h(de Brasília), pela 36ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, em busca de quebrar a sua sequência de seis jogos sem vencer e escostar no G-8. Já o Coxa, se não vencer pode ser rebaixado neste fim de semana.

 

Santos quer por fim a sequência negativa

 

Após vir de empate por 1 a 1 diante do Atlético-GO, na última rodada, o Santos chegou aos 47 pontos, dois a menos do que o Corinthians, que está em oitavo. O Peixe quer por fim a sua sequência negativa de seis jogos sem vitórias.

 

Se quiser sonhar com uma vaga na Libertadores, o Alvinegro necessita vencer o Coxa e os próximos jogos e torcer por um tropeço de seus adversários direto.

 

Para a partida deste sábado, o técnico Cuca contará com o atacante Marinho, que se recuperou de uma lesão. Por outro lado não contará com Sandry e Madson, suspensos.

 

Provável escalação do Santos: João Paulo, Pará, Laércio, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Sandry, Marinho e Soteldo; Kaio Jorge e Lucas Braga. Técnico: Cuca

 

Coxa pode ser rebaixado neste fim de semana

 

Na penúltima posição com 28 pontos, o Coritiba sabe da sua necessidade de vencer se quiser continuar sonhando em se manter na Série A.

 

Para a partida diante do Santos, o técnico Gustavo Morínigo não contará com o goleiro Wilson, Rafinha e Rhodolfo, suspensos. Além de Natanael, Matheus Gaudezani e Cerutti, vetados pelo departamento médico. O zagueiro Sabino não poderá atuar contra o Alvinegro. Emprestado pelo clube paulista ao Coxa, ele só poderia jogar se o time paranaense pagasse a multa.

 

O Coxa deve promover a estreia do goleiro Arthur como profissional. O substituto imediato de Wilson seria Alex Muralha, mas já que ele não terá o contrato renovado no clube, a direção optou por dar oportunidade ao jovem.

 

Provável escalação do Coritiba: Arthur; Jonathan, Nathan Ribeiro, Henrique Vermudt e Guilherme Biro; Hugo Moura, Nathan Silva e Sarrafiore; Neílton, Robson e Ricardo Oliveira. Técnico: Gustavo Morínigo.

 

Arbitragem

 

Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)

 

Assistentes: Michael Correia e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)

 

VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

VAVEL Logo