Desesperado, Confiança recebe embalado Goiás pela Série B
Foto: AD Confiança / Divulgação

Em brigas completamente distintas na Série B 2021, o Confiança recebe o Goiás, nesta quinta-feirea (26), em jogo válido pela 21ª rodada da competição. A partida, no Batistão, pode ampliar a péssima fase da equipe sergipana e ampliar a grande sequência dois goianos.

Afunda na zona de rebaixamento, a equipe nordestina tem índices que a colocam como a mais desequilibrada da competição. Já a do Centro-Oeste mostra bastante constância e equilíbrio.

É preciso reagir

Atual 19º colocado na Série B, o Confiança tem o pior saldo de gols da competição: catorze negativos. Nos vinte jogos anteriores, foram três vitórias, quatro empates e treze derrotas, com 18 gols marcados e 32 sofridos. A fase da equipe sergipana também é ruim: são quatro derrotas consecutivas - a última delas para o Cruzeiro, por 1 a 0. Os treze pontos colocam a equipe empatada com o Brasil, lanterna do certame - e nove atrás do Vila Nova, 16º colocado e primeira equipe que não seria rebaixada.

São quatro baixas do Dragão para a partida: Serginho, Jhemerson, Isaque e Bruno Sena, todos contundidos. Willians Santana e Gustavo Ramos voltam de suspensão e ficam à disposição da equipe. A tendência é que a equipe titular seja a mesma que iniciou o último jogo da equipe.

Já contratado para ser o novo treinador da equipe, mas ainda sem poder estrear por questões burocráticas, Luizinho Lopes acompanhará a partida no Estádio Estadual Lourival Baptista - o Confiança será treinado interinamente por Neto Pajolla. Sobre a partida, com três passagens pelo adversário, Madison quer fazer valer uma escrita muito comum no futebol brasileiro. "Espero que a Lei do Ex funcione contra o Goiás. Eu joguei lá, agora estou vestindo a camisa do Confiança. Espero fazer um bom jogo, não só eu, como toda a equipe e, se Deus abençoar, conquistar essa vitória dentro de casa que vai ser muito importante", comentou.

Provável escalação: Michael, Marcelinho, Nirley, Nery Bareiro e João Paulo; Serginho, Madison e Jhemerson; Luidy, Robinho e Hernane Brocador. Técnico: Neto Pajolla

Rumo à Série A

Já são seis partidas invictas do Goiás - na última delas, o Esmeraldino empatou com o Sampaio Corrêa em 2 a 2. A campanha é destacada: os goianos começam a rodada na terceira colocação, 35 pontos. Em vinte jogos, são nove vitórias, oito empates e três derrotas, com 22 gols marcados e 12 sofridos. Melhor defesa da competição, a equipe também tem, junto com o líder Coritiba, o melhor saldo de gols do certame: dez positivos. Os 35 pontos do clube do Centro-Oeste o deixa quatro atrás do ponteiro do torneio e dois à frente do quinto colocado Avaí, primeira equipe que não conseguiria o acesso ao Brasileirão 2022

O clube tem apenas uma baixa para o confronto: Elvis está suspenso e não joga. Alef Manga retorna de suspensão e deve ser titular da equipe. David Duarte, recuperado de lesão no joelho, também pode pintar no onze inicial no Lourival Baptista.

O bom resultado também é importante para que Marcelo Cabo, treinador do clube goiano, refaça as palavras de desagrado com relação ao resultado que fez à equipe após o empate contra o Sampaio Corrêa: "Na minha opinião, o Goiás mereceu a vitória, apesar de ter começado os 20 primeiros minutos em uma intensidade baixa, . Conseguimos empatar o jogo, voltamos muito bem, superior ao adversário, poderíamos ter ampliado o placar", destacou.

Provável escalação: Tadeu; Apodi, Iago Mendonça (David Duarte), Reynaldo e Hugo; Rezende, Caio Vinícius e Albano (Luan Dias); Diego, Nicolas e Alef Manga. Técnico: Marcelo Cabo

Arbitragem

Árbitro: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira (MG)

Assistentes: Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG) e Magno Arantes Lira (MG)

VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (MG)

VAVEL Logo