Santos passa bem pelo Chapadinha e se classifica à terceira fase da Copa São Paulo
Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

Na noite da última quarta-feira (12), na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, o Santos venceu a equipe do Chapadinha (MA) pelo placar de 3 a 0, em jogo válido pela segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a primeira em formato mata-mata. Os gols foram marcados por Jhonnathan, Rwan Seco e Weslley Patati.

Domínio santista

Assim como nos outros jogos, o Santos iniciou o jogo dominante. Com apenas dois minutos jogados, o Peixe já chegou com perigo à meta adversária. Sandro Perpétuo invadiu a área pela direita mas acabou travado pelo goleiro. Rwan Seco conseguiu recuperar a bola, mas sem ângulo, acabou finalizando na rede pelo lado de fora.

O Alvinegro Praiano insistia e aos seis minutos de jogo quase abriu o placar. Após jogada em velocidade pela direita, Ed Carlos recebeu a bola na entrada da área e acertou cruzamento preciso para o camisa 10, Rwan Seco. De cabeça, o atacante acabou mandando a bola por cima do travessão.

Aos nove minutos, Weslley Patati chegou à entrada da área e arriscou para o gol com força, parando em boa defesa do goleiro Vittor em seu canto inferior direito.

Mas foi aos 12 minutos que o Santos enfim abriu o placar. Após boa jogada do lateral Sandro Perpétuo pelo lado direito, a bola sobrou para Jhonnathan na entrada da área. O camisa 5 chutou com muita força para o gol e contou com desvio na marcação para colocar a bola no fundo das redes.

Depois do primeiro gol, os Meninos da Vila mantiveram o domínio da partida e seguiram pressionando. Aos 20 minutos, Lucas Barbosa chutou com muita força de fora da área e fez a bola sair pela linha de fundo, triscando na trave direita.

Aos 40 minutos, Weslley Patati cruzou com precisão na cabeça de Lucas Barbosa, que parou em grande defesa do goleiro da equipe maranhense, que desviou para escanteio. No lance seguinte, após cobrança de escanteio de Lucas Pires, Jhonnathan tentou desviar de cabeça para o gol e foi bloqueado. No entanto, a bola voltou para o camisa 5, que cruzou na cabeça de Rwan Seco, colado na trave, que conseguiu completar para as redes fazendo o segundo da equipe santista. Esse foi o quarto gol do camisa 10 na competição.

E ainda antes do intervalo, aos 45 do primeiro tempo, o Alvinegro ampliou a vantagem para 3 a 0 com Weslley Patati. Após boa troca de passes de Rwan Seco e Lucas Barbosa pela esquerda, a bola sobrou para Lucas Pires, que teve espaço para finalizar. A bola batida rasteira foi defendida pelo goleiro Vittor, mas no rebote o camisa 7 santista foi rápido para chegar na segunda trave e marcar.

Só administrou!

Com o placar já definido, o segundo tempo da partida perdeu um pouco do ritmo que teve nos minutos finais da etapa inicial. Tanto que só chegaram com perigo já aos 21 minutos, Fernandinho recebeu pela esquerda do ataque e finalizou com força, mas a bola passou à esquerda da meta. Em seguida, aos 24, foi a vez de Nycollas Lopo arriscar de longe, parando em nova defesa de Vittor.

Marcou o quarto, mas não valeu!

Já aos 30 minutos, Fernandinho chegou a fazer o quarto gol santista após rebote da finalização de Nycollas Lopo, mas a arbitragem marcou posição irregular do camisa 17 e anulou o tento dos Meninos da Vila.

E agora?

Com o resultado, o Santos avança à terceira fase, que será disputada em jogo único contra a Ferroviária. A equipe de Araraquara se classificou em segundo lugar do Grupo 8, o mesmo do Alvinegro Praiano na primeira fase, e eliminou o Nova Iguaçu (RJ) nos pênaltis na tarde desta quarta-feira (12). O duelo entre as equipes acontece na próxima sexta-feira (14), mais uma vez na Arena Fonte Luminosa, ainda com horário a ser definido.

 

VAVEL Logo